Informações sobre o álbums
  • editoria:
  • galeria:
  • link: http://educacao.uol.com.br/album/2012/03/28/professores-fazem-manifestacao-em-sao-paulo-e-no-rio-de-janeiro.htm
  • totalImagens: 61
  • fotoInicial: 10
  • imagePath:
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20120328154450
    • São Paulo [5106]; Rio de Janeiro [5108];
    • greve de professores [29344];
Fotos
Professores da rede estadual de educação do Rio de Janeiro fazem nesta quarta-feira (28) uma paralisação de 24 horas por melhores condições salariais e de condições de trabalho. Os educadores exigem reajuste salarial de 36%. Eles vão se juntar aos estudantes da Marcha em Defesa da Educação Pública, que marca os 24 anos da morte, durante o regime militar, do secundarista Edson Luiz Fernando Maia/UOL Mais
Professores da rede estadual de educação do Rio de Janeiro fazem nesta quarta-feira (28) uma paralisação de 24 horas por melhores condições salariais e de condições de trabalho. Os educadores exigem reajuste salarial de 36%. Eles vão se juntar aos estudantes da Marcha em Defesa da Educação Pública, que marca os 24 anos da morte, durante o regime militar, do secundarista Edson Luiz Fernando Maia/UOL Mais
Professores da rede estadual de educação do Rio de Janeiro fazem nesta quarta-feira (28) uma paralisação de 24 horas por melhores condições salariais e de condições de trabalho. Os educadores exigem reajuste salarial de 36%. Eles vão se juntar aos estudantes da Marcha em Defesa da Educação Pública, que marca os 24 anos da morte, durante o regime militar, do secundarista Edson Luiz Fernando Maia/UOL Mais
Professores da rede estadual de educação do Rio de Janeiro fazem nesta quarta-feira (28) uma paralisação de 24 horas por melhores condições salariais e de condições de trabalho. Os educadores exigem reajuste salarial de 36%. Eles vão se juntar aos estudantes da Marcha em Defesa da Educação Pública, que marca os 24 anos da morte, durante o regime militar, do secundarista Edson Luiz Fernando Maia/UOL Mais
Professores da rede estadual de educação do Rio de Janeiro fazem nesta quarta-feira (28) uma paralisação de 24 horas por melhores condições salariais e de condições de trabalho. Os educadores exigem reajuste salarial de 36%. Eles vão se juntar aos estudantes da Marcha em Defesa da Educação Pública, que marca os 24 anos da morte, durante o regime militar, do secundarista Edson Luiz Fernando Maia/UOL Mais
Professores da rede estadual de educação do Rio de Janeiro fazem nesta quarta-feira (28) uma paralisação de 24 horas por melhores condições salariais e de condições de trabalho. Os educadores exigem reajuste salarial de 36%. Eles vão se juntar aos estudantes da Marcha em Defesa da Educação Pública, que marca os 24 anos da morte, durante o regime militar, do secundarista Edson Luiz Fernando Maia/UOL Mais
Em São Paulo, os professores da rede municipal fazem um protesto na tarde desta quarta (28) para pressionar a gestão Gilberto Kassab (PSD) a atender às reivindicações da campanha salarial da categoria Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, os professores da rede municipal fazem um protesto na tarde desta quarta (28) para pressionar a gestão Gilberto Kassab (PSD) a atender às reivindicações da campanha salarial da categoria Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, os professores da rede municipal fazem um protesto na tarde desta quarta (28) para pressionar a gestão Gilberto Kassab (PSD) a atender às reivindicações da campanha salarial da categoria Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, os professores da rede municipal fazem um protesto na tarde desta quarta (28) para pressionar a gestão Gilberto Kassab (PSD) a atender às reivindicações da campanha salarial da categoria Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, os professores da rede municipal fazem um protesto na tarde desta quarta (28) para pressionar a gestão Gilberto Kassab (PSD) a atender às reivindicações da campanha salarial da categoria Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, os professores da rede municipal fazem um protesto na tarde desta quarta (28) para pressionar a gestão Gilberto Kassab (PSD) a atender às reivindicações da campanha salarial da categoria Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, os professores da rede municipal fazem um protesto na tarde desta quarta (28) para pressionar a gestão Gilberto Kassab (PSD) a atender às reivindicações da campanha salarial da categoria Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, os professores da rede municipal fazem um protesto na tarde desta quarta (28) para pressionar a gestão Gilberto Kassab (PSD) a atender às reivindicações da campanha salarial da categoria Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, os professores da rede municipal fazem um protesto na tarde desta quarta (28) para pressionar a gestão Gilberto Kassab (PSD) a atender às reivindicações da campanha salarial da categoria Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, os professores da rede municipal fazem um protesto na tarde desta quarta (28) para pressionar a gestão Gilberto Kassab (PSD) a atender às reivindicações da campanha salarial da categoria Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, os professores da rede municipal fazem um protesto na tarde desta quarta (28) para pressionar a gestão Gilberto Kassab (PSD) a atender às reivindicações da campanha salarial da categoria Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, os professores da rede municipal fazem um protesto na tarde desta quarta (28) para pressionar a gestão Gilberto Kassab (PSD) a atender às reivindicações da campanha salarial da categoria Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, os professores da rede municipal fazem um protesto na tarde desta quarta (28) para pressionar a gestão Gilberto Kassab (PSD) a atender às reivindicações da campanha salarial da categoria Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, os professores da rede municipal fazem um protesto na tarde desta quarta (28) para pressionar a gestão Gilberto Kassab (PSD) a atender às reivindicações da campanha salarial da categoria Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, os professores da rede municipal fazem um protesto na tarde desta quarta (28) para pressionar a gestão Gilberto Kassab (PSD) a atender às reivindicações da campanha salarial da categoria Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, os professores da rede municipal fazem um protesto na tarde desta quarta (28) para pressionar a gestão Gilberto Kassab (PSD) a atender às reivindicações da campanha salarial da categoria Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, os professores da rede municipal fazem um protesto na tarde desta quarta (28) para pressionar a gestão Gilberto Kassab (PSD) a atender às reivindicações da campanha salarial da categoria Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, os professores da rede municipal fazem um protesto na tarde desta quarta (28) para pressionar a gestão Gilberto Kassab (PSD) a atender às reivindicações da campanha salarial da categoria Fernando Maia/UOL Mais
Em São Paulo, os professores da rede municipal fazem um protesto na tarde desta quarta (28) para pressionar a gestão Gilberto Kassab (PSD) a atender às reivindicações da campanha salarial da categoria Fernando Maia/UOL Mais
Em São Paulo, os professores da rede municipal fazem um protesto na tarde desta quarta (28) para pressionar a gestão Gilberto Kassab (PSD) a atender às reivindicações da campanha salarial da categoria Fernando Maia/UOL Mais
Em São Paulo, os professores da rede municipal fazem um protesto na tarde desta quarta (28) para pressionar a gestão Gilberto Kassab (PSD) a atender às reivindicações da campanha salarial da categoria Fernando Maia/UOL Mais
Professores da rede estadual de educação do Rio de Janeiro fazem nesta quarta-feira (28) uma paralisação de 24 horas por melhores condições salariais e de condições de trabalho. Os educadores exigem reajuste salarial de 36%. Eles vão se juntar aos estudantes da Marcha em Defesa da Educação Pública, que marca os 24 anos da morte, durante o regime militar, do secundarista Edson Luiz Fernando Maia/UOL Mais
Professores da rede estadual de educação do Rio de Janeiro fazem nesta quarta-feira (28) uma paralisação de 24 horas por melhores condições salariais e de condições de trabalho. Os educadores exigem reajuste salarial de 36%. Eles vão se juntar aos estudantes da Marcha em Defesa da Educação Pública, que marca os 24 anos da morte, durante o regime militar, do secundarista Edson Luiz Fernando Maia/UOL Mais
Professores da rede estadual de educação do Rio de Janeiro fazem nesta quarta-feira (28) uma paralisação de 24 horas por melhores condições salariais e de condições de trabalho. Os educadores exigem reajuste salarial de 36%. Eles vão se juntar aos estudantes da Marcha em Defesa da Educação Pública, que marca os 24 anos da morte, durante o regime militar, do secundarista Edson Luiz Fernando Maia/UOL Mais
Professores da rede estadual de educação do Rio de Janeiro fazem nesta quarta-feira (28) uma paralisação de 24 horas por melhores condições salariais e de condições de trabalho. Os educadores exigem reajuste salarial de 36%. Eles vão se juntar aos estudantes da Marcha em Defesa da Educação Pública, que marca os 24 anos da morte, durante o regime militar, do secundarista Edson Luiz Fernando Maia/UOL Mais
Em São Paulo, professores da rede municipal, decidiram nesta quarta-feira (28) parar por três dias. A categoria está em campanha salarial e fez hoje um protesto no centro da capital paulista. Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, professores da rede municipal, decidiram nesta quarta-feira (28) parar por três dias. A categoria está em campanha salarial e fez hoje um protesto no centro da capital paulista. Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, professores da rede municipal, decidiram nesta quarta-feira (28) parar por três dias. A categoria está em campanha salarial e fez hoje um protesto no centro da capital paulista. Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, professores da rede municipal, decidiram nesta quarta-feira (28) parar por três dias. A categoria está em campanha salarial e fez hoje um protesto no centro da capital paulista. Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, professores da rede municipal, decidiram nesta quarta-feira (28) parar por três dias. A categoria está em campanha salarial e fez hoje um protesto no centro da capital paulista. Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, professores da rede municipal, decidiram nesta quarta-feira (28) parar por três dias. A categoria está em campanha salarial e fez hoje um protesto no centro da capital paulista. Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, professores da rede municipal, decidiram nesta quarta-feira (28) parar por três dias. A categoria está em campanha salarial e fez hoje um protesto no centro da capital paulista. Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, professores da rede municipal, decidiram nesta quarta-feira (28) parar por três dias. A categoria está em campanha salarial e fez hoje um protesto no centro da capital paulista. Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, professores da rede municipal, decidiram nesta quarta-feira (28) parar por três dias. A categoria está em campanha salarial e fez hoje um protesto no centro da capital paulista. Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, professores da rede municipal, decidiram nesta quarta-feira (28) parar por três dias. A categoria está em campanha salarial e fez hoje um protesto no centro da capital paulista. Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, professores da rede municipal, decidiram nesta quarta-feira (28) parar por três dias. A categoria está em campanha salarial e fez hoje um protesto no centro da capital paulista. Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, professores da rede municipal, decidiram nesta quarta-feira (28) parar por três dias. A categoria está em campanha salarial e fez hoje um protesto no centro da capital paulista. Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, professores da rede municipal, decidiram nesta quarta-feira (28) parar por três dias. A categoria está em campanha salarial e fez hoje um protesto no centro da capital paulista. Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, professores da rede municipal, decidiram nesta quarta-feira (28) parar por três dias. A categoria está em campanha salarial e fez hoje um protesto no centro da capital paulista. Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, professores da rede municipal, decidiram nesta quarta-feira (28) parar por três dias. A categoria está em campanha salarial e fez hoje um protesto no centro da capital paulista. Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, professores da rede municipal, decidiram nesta quarta-feira (28) parar por três dias. A categoria está em campanha salarial e fez hoje um protesto no centro da capital paulista. Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, professores da rede municipal, decidiram nesta quarta-feira (28) parar por três dias. A categoria está em campanha salarial e fez hoje um protesto no centro da capital paulista. Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, professores da rede municipal, decidiram nesta quarta-feira (28) parar por três dias. A categoria está em campanha salarial e fez hoje um protesto no centro da capital paulista. Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, professores da rede municipal, decidiram nesta quarta-feira (28) parar por três dias. A categoria está em campanha salarial e fez hoje um protesto no centro da capital paulista. Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, professores da rede municipal, decidiram nesta quarta-feira (28) parar por três dias. A categoria está em campanha salarial e fez hoje um protesto no centro da capital paulista. Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, professores da rede municipal, decidiram nesta quarta-feira (28) parar por três dias. A categoria está em campanha salarial e fez hoje um protesto no centro da capital paulista. Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, professores da rede municipal, decidiram nesta quarta-feira (28) parar por três dias. A categoria está em campanha salarial e fez hoje um protesto no centro da capital paulista. Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, professores da rede municipal, decidiram nesta quarta-feira (28) parar por três dias. A categoria está em campanha salarial e fez hoje um protesto no centro da capital paulista. Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, professores da rede municipal, decidiram nesta quarta-feira (28) parar por três dias. A categoria está em campanha salarial e fez hoje um protesto no centro da capital paulista. Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, professores da rede municipal, decidiram nesta quarta-feira (28) parar por três dias. A categoria está em campanha salarial e fez hoje um protesto no centro da capital paulista. Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Em São Paulo, professores da rede municipal, decidiram nesta quarta-feira (28) parar por três dias. A categoria está em campanha salarial e fez hoje um protesto no centro da capital paulista. Fernando Cavalcanti/UOL Mais
Professores da rede estadual de educação do Rio de Janeiro fazem nesta quarta-feira (28) uma paralisação de 24 horas por melhores condições salariais e de condições de trabalho. Os educadores exigem reajuste salarial de 36%. Eles vão se juntar aos estudantes da Marcha em Defesa da Educação Pública, que marca os 24 anos da morte, durante o regime militar, do secundarista Edson Luiz Fernando Maia/Maia Mais
Professores da rede estadual de educação do Rio de Janeiro fazem nesta quarta-feira (28) uma paralisação de 24 horas por melhores condições salariais e de condições de trabalho. Os educadores exigem reajuste salarial de 36%. Eles vão se juntar aos estudantes da Marcha em Defesa da Educação Pública, que marca os 24 anos da morte, durante o regime militar, do secundarista Edson Luiz Fernando Maia Mais
Professores da rede estadual de educação do Rio de Janeiro fazem nesta quarta-feira (28) uma paralisação de 24 horas por melhores condições salariais e de condições de trabalho. Os educadores exigem reajuste salarial de 36%. Eles vão se juntar aos estudantes da Marcha em Defesa da Educação Pública, que marca os 24 anos da morte, durante o regime militar, do secundarista Edson Luiz Fernando Maia/UOL Mais
Professores da rede estadual de educação do Rio de Janeiro fazem nesta quarta-feira (28) uma paralisação de 24 horas por melhores condições salariais e de condições de trabalho. Os educadores exigem reajuste salarial de 36%. Eles vão se juntar aos estudantes da Marcha em Defesa da Educação Pública, que marca os 24 anos da morte, durante o regime militar, do secundarista Edson Luiz Fernando Maia/UOL Mais

Professores fazem manifestação em SP e RJ

Últimos álbuns de Educação



Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos