Informações sobre o álbums
  • editoria:
  • galeria:
  • link: http://educacao.uol.com.br/album/2012/08/24/intercambio-jovens-contam-suas-experiencias-de-high-school-ensino-medio-no-exterior.htm
  • totalImagens: 10
  • fotoInicial: 4
  • imagePath:
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20120824145548
    • Intercâmbio [30908]; Educação [16614];
Fotos
Fernanda M. (que está ajoelhada) e três amigas, todas intercambistas, em jogo de futebol americano em que apenas meninas jogariam. Ela mudou de residência e teve que se adaptar às regras dos "pais americanos": ela deveria voltar para casa até 21h Arquivo pessoal Mais
?Esse foi o primeiro boneco de neve que eu fiz?, conta Fernanda M. que fez intercâmbio para os EUA durante o ensino médio Arquivo pessoal Mais
Fernanda M. (de vestido vermelho) posa ao lado da primeira mãe americana. ?A foto foi tirada quando eu fui para o baile de boas-vindas (homecoming) que é parecido com o prom (baile de formatura) só que acontece logo no comecinho do ano letivo", conta a jovem Arquivo pessoal Mais
Fernanda M. e o então namorado norte-americano, Raul, posam para foto do prom, já no final do período letivo Arquivo pessoal Mais
Fernanda M. (segunda da dir. para a esq.) e suas amigas, todas intercambistas. Da esq. para a dir., Estelle (Tahiti), Julie (Noruega), Nora (Alemanha) e Francesca (Itália) Arquivo pessoal Mais
Gabriel S., 17, fez intercâmbio para o Cairo. Ele confessa que sentiu saudades no começo do intercâmbio: "Eu tinha uma vida lá e várias coisas para me manter ocupado. No final do intercâmbio, as saudades nem incomodam mais". Arquivo pessoal Mais
Gabriel S., 17, foi para o Egito fazer ensino médio Arquivo pessoal Mais
Na escola de Gabriela D., 17, havia dezenas de intercambistas, sendo oito brasileiros. ?Foi ruim ter ficado com tanto brasileiro?, conta. Mesmo tendo participado do time de cheerleaders (líderes de torcida), as estudantes canadenses não davam muita conversa: ?elas não eram muito amigáveis? Arquivo pessoal Mais
"Tem que ser cara de pau", diz Joana P., 17, que passou dez meses na Nova Zelândia. Como ela não se intimidou conseguiu conviver com locais e sair da "bolha de intercambistas" Arquivo pessoal Mais
Joana P.,17, morou dez meses em Kerikeri, na Nova Zelândia. Ela acredita que ter ficado mais tempo fora ajudou: ?Só tive amigos de lá no final [da viagem]. Eles são simpáticos com você, são prestativos, só que não vão te convidar para sair". Na foto, a jovem está fazendo bungee jumping, um esporte radical em que o participante pula de um lugar bem alto, preso apenas por um cabo elástico Arquivo pessoal Mais

Intercâmbio: jovens contam suas experiências de high school, ensino médio no exterior

Mais álbuns de UOL Educação x

Últimos álbuns de Educação



Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos