UOL EducaçãoUOL Educação
UOL BUSCA

Banco de redações

Redação

Aluno:***

Idade:***

Colégio:***

6,0

A eminência feminina

Ana Néri é uma daquelas pessoas que inspiram outras além de seu tempo. Ela, além de ser considerada a primeira mulher a ingressar na enfermagem no Brasil, exerceu seu ofício durante a Guerra do Paraguai, na qual aparentemente só havia lugar para homens. São mulheres assim, a [à] frente de seu tempo, engajadas e ousadas, que serviram e servem até hoje de modelo para outras que cada vez mais avançam sobre cargos nunca dantes ocupado pelo então [considerado, até então,] sexo frágil.

O exemplo inevitável e mais recente nas mentes das mulheres, em especial das brasileiras, é o de Dilma Rousseff. A primeira mulher presidente do Brasil cunhou uma estrada difícil e alcançou o cargo mais alto que um político poderia almejar. O fato ilustra um fenômeno, por assim dizer, que se iniciou a década atrás [na década passada] e não tem expectativa para estagnar ou encerrar: as mulheres estão se inserindo (ou sendo inseridas) em trabalhos comumente aceitos [espaços de trabalho considerados] como exclusivamente masculinos, como cargos [nos serviços] públicos, em empresas, na construção civil e na área científica e tecnológica.

A eleição de Dilma, sem dúvida, é uma injeção de otimismo na auto-estima de muitas mulheres que, a exemplo dela, estão ávidas por crescer socialmente. Porém, surgi [surge] aí um cuidado a ser tomado. O fato de se ter uma mulher na Presidência do Brasil não garante que a partir daí elas serão menos discriminadas, mais respeitadas e tratadas com a mesma seriedade que é dada aos homens.

Portanto, alcançar cargos elevados e concebidos como masculinos é iminente nos dias de hoje, pois as mulheres, além de serem em maior número, representam uma parcela significativa de mão-de-obra que o mercado com certeza absorverá, cedo ou tarde. Às mulheres, cabe o dever de sonhar sim com maior status social, sem esquecer que para ser digno de honra é preciso muito mais do que o título de sexo frágil, mas muita competência, atitude e esforço.
 

Comentário geral

O texto, apesar de bem escrito, limitou-se a abordar o tema com comentários gerais a partir de exemplos de mulheres que conseguiram reconhecimento público, mas não mostrou que dificuldades tiveram que enfrentar para conquistar isso.
 

Aspectos pontuais

1) Segundo parágrafo: os dados do parágrafo não estão sustentados em comprovações: é importante explicar a que se refere a afirmação de que a presidente cunhou uma estrada difícil, pois não há informações no texto que validem isso; qual a ligação temporal entre as décadas passadas e as conquistas femininas? Que fatos provocaram as mudanças citadas? Para que a análise torne-se convincente é preciso trocar os comentários genéricos por informações concretas.

2) Terceiro parágrafo: a) a polêmica sobre a discriminação sofrida pelas mulheres ainda hoje foi citada apenas no final deste parágrafo, fim do desenvolvimento, quando já não há espaço para análise, revelando falha na estrutura dissertativa; b) alerta para o fato de não haver garantias de que as mulheres serão menos discriminadas, mais respeitadas e tratadas com a mesma seriedade que é dada aos homens. Isso, porém, não foi discutido em momento algum no texto.

3) Quarto parágrafo: não há relação entre ser digna de honra e o fato de a mulher ser chamada de sexo frágil. Ideias mal organizadas na conclusão.

 

Competências avaliadas

CompetênciaNota
1.Demonstrar domínio da norma culta da língua escrita.1,5
2.Compreender a proposta da redação e aplicar conceito das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.1,5
3.Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.1,0
4.Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.1,0
5.Elaborar a proposta de solução para o problema abordado, mostrando respeito aos valores humanos e considerando a diversidade sociocultural.1,0
Total 6,0

Desempenho do aluno em cada competência

Nota 2,0 - Satisfatório Nota 0,5 - Fraco
Nota 1,5 - Bom Nota 0,0 - Insatisfatório
Nota 1,0 - Regular
Leia a proposta completa
Leia outras redações avaliadas
Os textos publicados antes de 1º de janeiro de 2009 não seguem o novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. A grafia vigente até então e a da reforma ortográfica serão aceitas até 2012

Compartilhe:

    Receba notícias

    Shopping UOL

    Hospedagem: UOL Host