UOL EducaçãoUOL Educação
UOL BUSCA

Banco de redações

Redação

Aluno:***

Idade:***

Colégio:***

4,5

Polêmica: o aborto de fetos anencéfalos

Em abril, desse [deste] ano, o Supremo Tribunal Federal liberou o aborto, caso o bebê seja anencéfalo (aqueles que nascem com uma pequena ou nenhuma parte do cerébro). Isto gerou polêmica no país, onde alguns grupos sociais são a favor, outros contra. O Brasil é o quarto país com o maior número de casos, segundo a Organização Mundial de Saúde.

Não deve ser nada fácil quando os pais descobrem que seus filhos são anencéfalos, assim, cientes que [de que] eles viverão pouquíssimo tempo, depois do parto. Uma dor que ninguém gostaria de sentir. E aí, surge a questão: abortar ou não? Quem deve decidir o [sobre o] aborto são os pais e não o Estado, onde não estão ligando para o povo. [Estado.]

Grupos religiosos e sociais, como a Igreja Católica, é [são] totalmente contra qualquer tipo de aborto. Os bispos criticaram os ministros que aprovaram a lei. Mas, há os que acham que o Supremo Tribunal Federal fez a escolha certa, como o advogado Bruno Carlos, 29, dizendo que "abortar é menos dramático".

Sou totalmente contra a [contra] qualquer tipo de aborto, exceto às quais correm [nos casos em que a mulher corre] risco de vida. Pensem em uma situação em que o médico erre o diagnóstico, sim acontece, e aí? Todos nós temos direito a [à] vida, mesmo que seja por poucos minutos, horas... Porém, deixo claro que, respeito as [às] escolhas alheias. Cada um sabe de si. E assim a vida segue. Ou não.

Comentário geral

Texto cheio de marcas de oralidade, com uso de primeira pessoa e conversas com o leitor, o que não é adequado em dissertações. A análise carece de aprofundamento e de sustentação.

Aspectos pontuais

1) Primeiro parágrafo: bom parágrafo introdutório, apresentando o tema, contextualizando-o.

2) Segundo parágrafo: a) a superficialidade do comentário inicial quebra o tom sério do parágrafo anterior. O desenvolvimento não conseguiu manter as qualidades da introdução; b) o trecho sobre o governo é apenas reprodução simplória do senso comum, sem comprovação, sem contribuição para o texto, por isso sugerimos que seja retirado.

3) Terceiro parágrafo: quem é esse advogado? De onde foi tirada tal citação? Trecho inadequado, sem função para o texto.

4) Quarto parágrafo: conclusão muito ruim, devido à intromissão do narrador, à conversa com o leitor, à oralidade.

Competências avaliadas

CompetênciaNota
1.Demonstrar domínio da norma culta da língua escrita.0,5
2.Compreender a proposta da redação e aplicar conceito das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.1,5
3.Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.1,0
4.Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.1,0
5.Elaborar a proposta de solução para o problema abordado, mostrando respeito aos valores humanos e considerando a diversidade sociocultural.0,5
Total 4,5

Desempenho do aluno em cada competência

Nota 2,0 - Satisfatório Nota 0,5 - Fraco
Nota 1,5 - Bom Nota 0,0 - Insatisfatório
Nota 1,0 - Regular
Leia a proposta completa
Leia outras redações avaliadas
Os textos publicados antes de 1º de janeiro de 2009 não seguem o novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. A grafia vigente até então e a da reforma ortográfica serão aceitas até 2012

Compartilhe:

    Receba notícias

    Shopping UOL

    Hospedagem: UOL Host