UOL EducaçãoUOL Educação
UOL BUSCA

Biografias

Cientista brasileiro

Cesar Lattes

11-7-1924, Curitiba (PR)

Do Klick Educação

Um dos físicos mais brilhantes de sua geração, Cesar Mansueto Giulio Lattes descobriu, aos 23 anos, com o inglês Cecil Frank Powell e o italiano Giuseppe Occhialini, uma partícula no interior do núcleo atômico: o méson pi. Foi pioneiro ao produzir artificialmente a partícula, em 1948. Assim, deu início à construção de aceleradores cada vez mais potentes, que caracterizou a física nuclear do pós-guerra e abriu o terreno à ciência no Brasil, fundando, com outros cientistas, o Centro Brasileiro de Pesquisas Físicas (CBPF). Filho de imigrantes italianos, formou-se pelo departamento de Física da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras da Universidade de São Paulo (USP), em 1943. Estudou a Física Atômica, trabalhando com o professor russo Gleb Wataghin, trazido ao Brasil para fundar o departamento de Física, e do brasileiro Mario Schemberg. Na época, cientistas do mundo todo perguntavam-se como os prótons (carga elétrica positiva) no núcleo do átomo mantinham-se unidos, já que cargas iguais se repelem. A existência de uma partícula desconhecida já havia sido prevista em teoria pelo japonês Hideki Yukawa (1907-1981). Em 1946, inquieto com a questão, Lattes foi para a Universidade de Bristol, na Inglaterra, unindo-se a Powell e a Occhialini. Antes disso, os dois físicos estrangeiros aperfeiçoaram uma lâmina de filme capaz de registrar, nos aceleradores de partículas, a colisão de prótons e elétrons em alta velocidade, tentando encontrar um estilhaço desconhecido. Convencido da vantagem de aproveitar os raios cósmicos em vez dos aceleradores, em 1947 partiu para um dos picos mais altos dos Andes bolivianos, em Chacaltaya, a 5,5 mil metros de altitude. Lá, expôs as chapas fotográficas aos raios cósmicos. Reveladas, as fotografias mostraram os traços da nova partícula subatômica. A descoberta lhe valeu muitas premiações, incluindo o Prêmio Einstein (1950), o Fonseca Costa, concedido pelo CNPq (1958), o Bernardo Houssay, da Organização dos Estados Americanos (OEA), em 1978, e o prêmio da Academia de Ciência do Terceiro Mundo (TWAS), em 1988.

Compartilhe:

    Receba notícias

    Lição de Casa Dicionários

    Aulete

    Português

    Houaiss

    Português

    Michaelis


    Tradutor Babylon


    Shopping UOL

    Hospedagem: UOL Host