UOL EducaçãoUOL Educação
UOL BUSCA

Biografias

Físico francês

Louis de Broglie

15 de agosto de 1892, Dieppe (França)
19 de março de 1987, Louveciennes (França)

Da Página 3 Pedagogia & Comunicação

[creditofoto]

[creditofoto]

Louis de Broglie ganhou o Prêmio Nobel de Física de 1929

Louis Victor Pierre Raymond, príncipe de Broglie, foi o descobridor da mecânica ondulatória.

Interessado, inicialmente, em Paleografia e História, Broglie passou a estudar os trabalhos de Henri Poincaré por influência de seu irmão, Maurice, que era físico. Apaixonou-se pela física e, mais tarde, acompanhando as ideias de Max Planck e Albert Einstein, buscou uma base racional para analisar o conceito de "quantum" de luz.

Sua tese de doutoramento, defendida em 1924 na Universidade da Sorbonne, na qual Broglie apresentou a síntese da mecânica ondulatória, intitulava-se Pesquisa sobre a teoria dos quanta. Nela, o cientista não considerou apenas o aspecto ondulatório da luz, mas admitiu que a energia radiante é composta de ondas e de corpúsculos indissociavelmente ligados.

Broglie concluiu que uma onda deve estar associada à propagação de todos os corpúsculos materiais. Tal teoria o levou a considerar que determinados fenômenos de difração - que se manifestam quando a luz ou os raios X encontram um obstáculo - também poderiam ser verificados no caso dos corpúsculos materiais.

As ideias de Broglie foram confirmadas pelos físicos C. J. Davisson, L. H. Germer e George Paget Thomson.

Broglie foi nomeado professor de física teórica em 1928 - e no ano seguinte recebeu a Medalha Henri Poincaré e o Prêmio Nobel. Ele também foi professor da Faculdade de Ciências de Paris e membro da Academia de Ciências da França.
 

Enciclopédia Mirador Internacional; Oxford Dictionary of Scientists

Compartilhe:

    Receba notícias

    Lição de Casa Dicionários

    Aulete

    Português

    Houaiss

    Português

    Michaelis


    Tradutor Babylon


    Shopping UOL

    Hospedagem: UOL Host