UOL EducaçãoUOL Educação
UOL BUSCA

Pais e Professores > DATAS COMEMORATIVAS

24 de outubro de 1848

Manaus se tornou uma cidade nessa data

Da Página 3 Pedagogia & Comunicação
Divulgação/Prefeitura de Manaus

O Teatro Amazonas, na cidade de Manaus

Imagine uma cidade dentro da floresta amazônica, à beira de um rio. Esta cidade existe e se chama "Manaus": é a capital do estado do Amazonas.

Manaus foi fundada há muito tempo atrás. Era apenas um forte feito de pedra e de barro, que os portugueses usavam para proteger o norte do Brasil das invasões espanholas. Em volta, moravam várias tribos de índios: os barés, os banibas, os passés. Também havia uma tribo chamada "manaós", que acabou dando nome à cidade.

Para ajudar a catequizar os índios, os portugueses resolveram erguer uma capela, em homenagem a Nossa Senhora da Conceição, que virou padroeira do lugar. A pequena povoação foi crescendo e em 1832 surgiu a Vila de Manaus. Finalmente, em 1848, no dia 24 de outubro, a vila se tornou uma cidade.

Virou Cidade da Barra do Rio Negro. Alguns anos depois, resolveram finalmente chamar a cidade de Manaus.

Muito pertinho de Manaus fica o encontro das águas verdes do rio Amazonas com as águas escuras do Rio Negro, formando um desenho incrível.

E veio então a época da borracha, no final do século 19. A borracha é feita do látex e o látex é retirado das seringueiras. Como a borracha era importante e valia muito, vinha muita gente para comprá-la. Vinham navios do mundo inteiro. A cidade ficou muito rica. Construíram um teatro lindo - a Ópera de Manaus. Artistas da Europa vinham se apresentar no teatro. Havia muito luxo.

Mas quando o interesse pela borracha foi diminuindo, a cidade sofreu. Só muito tempo depois, entre os anos 1950 e 1960, com a criação da Zona Franca de Manaus, a cidade voltou a crescer, com a indústria e o comércio. O turismo também cresceu, e hoje Manaus atrai muitos visitantes. Manaus é uma metrópole, afinal, mas continua no meio da floresta amazônica.

A vida noturna é agitada, há as praias badalada de Ponta Negra, o Mercadão, que vende raízes, ervas medicinais e frutas que não dá nem pra imaginar, além de barcos que levam para toda a parte, sem falar em mais de dois mil tipos de peixe!

Nos últimos anos, os manauaras (como são chamados os nascidos em Manaus) estão comemorando o aniversário da cidade com um Boi-Manaus, uma espécie de micareta do Boi-Bumbá, que é uma festa tradicional do Amazonas.

Vale a pena comemorar, não vale?
»Estado do Amazonas

Compartilhe:

    Receba notícias

    Lição de Casa Dicionários

    Aulete

    Português

    Houaiss

    Português

    Michaelis


    Tradutor Babylon


    Shopping UOL

    Hospedagem: UOL Host