Meridianos e paralelos: Linha do Equador e os trópicos

Jurema Aprile

Pouca gente diria, mas a foto abaixo retrata uma paisagem brasileira, o município de São Joaquim, em Santa Catarina. Lá, as temperaturas chegam a -10ºC no inverno. Além do fato da região ser montanhosa, as baixas temperaturas se devem à distância da cidade à linha do Equador.

Observe o mapa:

Nesse tipo de mapa, chamado planisfério, há linhas horizontais e verticais: elas são imaginárias e servem para localizar com exatidão um determinado ponto na superfície do planeta. Formam as chamadas coordenadas geográficas.

  • As linhas verticais, que no globo estão no sentido norte-sul, são chamadas meridianos. Já as linhas horizontais, que contornam o globo no sentido leste-oeste, são chamadas paralelos.

 

  • O principal meridiano é o de Greenwich. Ele divide o globo em duas partes iguais, chamadas hemisférios: hemisfério Ocidental (ou Oeste) e hemisfério Oriental (ou Leste).

 

O que são hemisférios

Hemisférios são as duas metades em que os geógrafos costumam dividir a Terra, para melhor estudá-la. Quando cortamos uma melancia ao meio, geralmente o fazemos na vertical. Neste caso, as metades da melancia seriam como o hemisfério oriental e o ocidental.

Já em uma laranja o corte é sempre feito na horizontal. Nesse caso, com as duas metades temos a banda norte e a banda sul, como acontece com o globo terrestre no planisfério.

No caso da Terra representada nos mapas, o Equador é o principal paralelo. Ele também divide o globo em dois hemisférios. O hemisfério Norte corresponde à metade do globo localizada acima da linha do Equador, e o hemisfério Sul é a metade que está abaixo do Equador.

Vivemos em qual hemisfério?

Observe novamente o planisfério: nele você fica sabendo que o Brasil está localizado no hemisfério Ocidental. Mais: pode-se notar que a maior parte do país está no hemisfério Sul - ficam no hemisfério Norte apenas parte do Amazonas, de Roraima, do Amapá e do Pará.

Os paralelos que cortam o território brasileiro: Equador e Trópico de Capricórnio.

Quanto mais próxima uma região está do Equador, mais quente ela costuma ser. Isso ocorre porque as áreas próximas do Equador recebem os raios solares durante todo o ano de forma direta.

Nas áreas mais afastadas dessa linha imaginária, os raios solares, no período de inverno, chegam à superfície da Terra de forma inclinada, conduzindo menos calor.

O Brasil e os paralelos

Observe o mapa das regiões brasileiras e localize a linha imaginária do Equador.

Você vai notar que as regiões Norte e Nordeste do Brasil são as mais próximas da linha do Equador - por isso os Estados da Amazônia, no Norte, e os Estados do Nordeste brasileiro são quentes.

A região Sudeste e a região Sul são as mais distantes da linha do Equador. Por isso, os Estados dessas regiões são mais frios. Agora você já sabe por que faz mais frio no Rio Grande do Sul e em Santa Catarina do que no Pará!
 

 

Jurema Aprile é jornalista.

titulo-box Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos