Inglês britânico e norte-americano: Diferença pode confundir estudantes

Assunto: Inglês

Celina Bruniera, Especial para a Página 3 Pedagogia & Comunicação

Não precisa muito tempo para um aprendiz de língua inglesa notar que o inglês nos Estados Unidos difere, de forma bastante considerável, do inglês britânico. As diferenças mais evidentes são percebidas na pronúncia. No entanto, há um número razoável de variações no vacabulário e, ainda, algumas pequenas diferenças no que se refere à gramática.

Como estamos expostos muito mais frequentemente ao inglês dos Estados Unidos, por conta da produção cultural norte-americana ser mais veiculada ao redor do mundo, é muito comum encontrarmos mais facilidade em reconhecer o inglês americano.
 

Estados Unidos X Inglaterra

Do ponto de vista da escrita das palavras, os americanos apresentam uma preocupação em buscar uma aproximação da ortografia em relação à pronúncia. É por isso que centre, de origem britânica, passou a ser center para os americanos. É o caso, igualmente, de palavras terminadas em -our (colour, neighbour, labour) que, no inglês americano, terminam em -or (color, neighbor, labor).

Há, também, um vasto vocabulário que revela o quanto as duas variações da língua se distanciaram com o passar do tempo. Veja algumas dessas palavras muito usadas no cotidiano dos dois povos:
 

inglês americano inglês britânico
Gasoline petrol
Line queue
Vacation holiday
Cab taxi
Elevator lift
Apartment flat
Yard garden
Cookie biscuit


As conversas entre americanos e britânicos podem ficar muito confusas quando palavras ou expressões usadas por algum deles não corresponderem ao que o outro imagina. E isso pode acontecer. É o caso de wash up. Para os americanos wash up significa wash the dishes (lavar os pratos). Já para os britânicos wash up é wash your hands (lavar suas mãos).

Vale lembrar que os americanos não usam o verbo have got muito comum entre os britânicos. Para expressar o verbo "ter", um americano usaria apenas o verbo to have. Assim, "eu tenho um carro", nos Estados Unidos, seria "I have a car" e, na Grã-Bretanha, "I have got a car". Aparentemente, não há muita diferença. No entanto, se pensarmos na formulação da interrogativa, veremos que não é tão fácil quanto parece. Observe os exemplos:

I have a car.
Do you have a car?

I have got a car.
Have you got a car?


Note que os americanos utilizam o presente simples e, portanto, fazem uso do verbo auxiliar do, no caso do exemplo. Já os britânicos utilizam o presente perfeito e, assim, fazem uso do próprio verbo to have para compor a interrogativa.

Agora que você conhece algumas das diferenças que marcam o uso do inglês nos Estados Unidos e na Grã-Bretanha, fique atento para ampliar seu repertório. Preste atenção nas letras de música e no filmes.

Celina Bruniera, Especial para a Página 3 Pedagogia & Comunicação é mestre em Sociologia da Educação pela USP e assessora educacional para a área de linguagem.

titulo-box Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos