Ponto de ebulição: A mudança do estado líquido para o gasoso

Perseu Helene de Paula
(Atualizado em 25/06/2014, às 15h49)

  • Scott Akerman / Flickr / CC BY 2.0

    Cada composto químico tem uma temperatura de ebulição diferente a uma dada pressão. No caso da água, a transformação em vapor acontece quando o líquido atinge 100 graus Celsius à pressão atmosférica

    Cada composto químico tem uma temperatura de ebulição diferente a uma dada pressão. No caso da água, a transformação em vapor acontece quando o líquido atinge 100 graus Celsius à pressão atmosférica

O que ponto de ebulição?

É a temperatura na qual um líquido vence a pressão atmosférica, passando para o estado gasoso (mudança de estado). Em altitudes diferentes, uma mesma substância apresenta pontos de ebulição diferentes. Quanto maior a altitude, menor é a pressão atmosférica e, portanto, menor é o ponto de ebulição.

Do que depende?

Além da pressão atmosférica, o ponto de ebulição também depende da polaridade das substâncias:

  • Para substâncias apolares
  • Quanto maior o peso molecular, maior será o ponto de ebulição. Para substâncias de peso molecular próximo, a ramificação abaixa o ponto de ebulição.
  • Para substâncias polares. Para substâncias de peso molecular próximo, a mais polar possui maior ponto de ebulição. Substâncias que estabelecem ligações de hidrogênio (pontes de hidrogênio) possuem o ponto de ebulição extremamente elevado.

Perseu Helene de Paula é professor de química desde 1985, em São Paulo

titulo-box Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos