Bolsas de estudo de ensino superior viabilizam sonho de ir para a Inglaterra

  • Richard Lewis/AP

    Vista da Elizabeth Tower, do relógio Big Ben, e do Parlamento britânico, em Londres

A Inglaterra mantém-se como um dos destinos favoritos de quem quer estudar inglês, segundo as agências de intercâmbio CI, STB e Expo Mundi. Segundo o British Council, mais de 600 mil estudantes por ano vão ao Reino Unido (que abrange, além da Inglaterra, o País de Gales, a Escócia e a Irlanda do Norte).

Apesar de a maioria viajar em busca de cursos de inglês, a Inglaterra também oferece opções para quem quer fazer faculdade ou pós-graduação em algumas das universidades mais conceituadas do mundo. O país é sede de instituições que são referência mundial como Cambridge, Oxford, Lincoln University e London Business School.

Para quem sonha em ir para a terra da rainha, mas não tem condições de arcar com todos os custos, há bolsas de estudos e financiamentos para "high school", graduação, mestrado e doutorado. Mais informações no site do British Council

Segundo a embaixada britânica, as bolsas de pós-graduação oferecidas para o Brasil nos anos de 2012 e 2013 priorizarão as áreas de Mudança Climática, Desenvolvimento Sustentável e Energia; Resolução de Conflitos e Segurança; Finanças e Economia; Relações Internacionais, Direitos Humanos e Desenvolvimento; Política e Administração Esportiva; e Direito.

Outra possibilidade é concorrer a bolsas para intercâmbio sanduíche pelo programa Ciências sem Fronteiras, do governo federal.

Curso de inglês

Em Londres, um curso de inglês de quatro semanas, com 20 aulas por semana , acomodação em casa de família em quarto individual, meia pensão e taxa de matrícula pode ser encontrado a partir de 1.400 libras* (US$ 2.200), segundo a CI. É possível encontrar cursos equivalentes por um valor menor na Irlanda ou no Canadá, por exemplo.

Quando for calcular outros gastos da viagem, leve em conta que, além do valor do curso, é preciso considerar que comida e transporte serão pagos em libra, moeda mais valorizada que o euro e que o dólar.

Transporte público permite conhecer todo o país

Aproveite as qualidades do transporte público para conhecer todos os cantos do país. A estrutura ferroviária garante facilidade de acesso a quase todas as cidades da Inglaterra e permitirá que o intercambista conheça lugares como as praias de Bournemouth e de Brighton ou Salisbury, Bristol e Oxford, localidades históricas cheias de igrejas e castelos medievais.

"Para passear entre cidades, compre com antecedência a passagem. O ônibus costuma ser mais barato porém mais lento do que o trem", recomenda o intercambista André Frank, que fez doutorado sanduíche na Universidade de Bristol  entre agosto de 2010 e julho de 2011.

* Clique para converter o valor em real (R$)

titulo-box Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos