UOL EducaçãoUOL Educação
UOL BUSCA

Últimas Notícias

31/08/2009 - 16h00

Segundo MEC, só 1% das faculdades são top; 29,4% têm notas insatisfatórias

Simone Harnik*
Em São Paulo
Atualizada às 16h51

Apenas 1% das faculdades, universidades e centros universitários do país conseguiram nota máxima em avaliação do MEC (Ministério da Educação). De acordo com o IGC (Índice Geral de Cursos) de 2008, 21 das 2.001 instituições conseguiram o conceito 5, que é o melhor.

  • Veja aqui o ranking das instituições de ensino
  • Veja as instituições top 10 do MEC

  • Com notas ruins, conceitos entre 1 e 2, ficaram 29,4% das instituições - 588 das 2.001 faculdades. Delas, 570 tiraram notas 2, e 18, nota 1.

    Nove instituições estão na mira do MEC, diz secretária; veja quais são
    Unifesp é a melhor universidade do país, segundo índice do MEC



    No conjunto dos dados do MEC, 388 escolas ficaram sem conceitos, porque alguns de seus cursos não contaram com a participação mínima de dois ingressantes e de dois concluintes no Enade (Exame Nacional de Desempenho de Estudantes). A nota da avaliação é considerada no cálculo do IGC.

    A USP (Universidade de São Paulo) e a Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) são duas das instituições que não participam do índice.

    Segundo o ministro Fernando Haddad (Educação), o IGC não serve para dar um retrato da qualidade do ensino superior no país. Para ele, o índice guia as visitas às instituições feitas por peritos treinados pelo MEC. "Antes o conceito era quase sempre elevado [mesmo depois das visitas], isso nos parecia artificial", disse Haddad.

    "Um dos focos do IGC é orientar o estudante na busca de instituições de excelência", disse o ministro na tarde desta segunda (31).

    O que é o IGC

    O IGC é um indicador de qualidade de instituições de educação superior que considera, em sua composição, a qualidade dos cursos de graduação e de pós-graduação (mestrado e doutorado).

    Para a graduação, ele usa a média do CPC (Conceitos Preliminares de Curso) da instituição. Já para a pós-graduação, o conceito utiliza a nota Capes (Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior). O resultado final está em valores contínuos (que vão de 0 a 500) e em faixas (de 1 a 5).

    O IGC de cada instituição de ensino superior do Brasil foi apresentado pela primeira vez no ano passado e será divulgado anualmente pelo Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira).

    *Colaborou Piero Locatelli, de Brasília
    Leia mais
    IGC 2008: 31% do ensino superior está em nível crítico
    IGC 2008: Unifesp é melhor entre as públicas
    Os textos publicados antes de 1º de janeiro de 2009 não seguem o novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. A grafia vigente até então e a da reforma ortográfica serão aceitas até 2012

    Compartilhe:

      Receba notícias

      Lição de Casa Dicionários

      Aulete

      Português

      Houaiss

      Português

      Michaelis


      Tradutor Babylon


      Intercâmbio

      Shopping UOL

      Hospedagem: UOL Host