UOL EducaçãoUOL Educação
UOL BUSCA

Banco de redações

Proposta de outubro de 2009

"Selinho" é inocente ou tem significado sexual?

No mês de setembro de 2009, foi preso em Fortaleza um turista italiano, por ter dado um beijo nos lábios da filha de 8 anos. Esse "caso de polícia" fez com que se discutisse a atitude cultural do "selinho" que, para muitas pessoas, tem forte conotação sexual, principalmente entre pais e filhos. Segundo a esposa brasileira, indignada com a prisão do marido, essa é apenas uma forma inocente que se usa na família deles para demonstrar afeto. De fato, até amigos trocam um "selinho", de vez em quando. A questão é: a moda do selinho é inocente? Ou ele deve ser evitado, pois tem apelo sexual? O que você acha?

Leia a proposta completa
Leia outras redações avaliadas

Redação

Aluno:***

Idade:***

Colégio:***

1.0

A Caça as [às] Bruxas

A expressão do afeto é múltipla e derivada da cultura e tradição de cada grupo de indivíduos e não pode ser simplificada por uma lista universal de ações e gestos permitidos e proibidos, sob a pena de uma normalização alienada e não natural das relações humanas, que apenas levaria à perda da liberdade.

Bento de Espinoza [Espinosa ou Spinoza], em seu Tratado Teológico-Político, observou que toda tirania se sustenta no medo e na superstição e, quando o perigo ameaça criança[s], a ação torna-se a catártica "caça as [às] bruxas" e a delação, sem resultado positivo - violência/abuso sexual contra crianças e adolescentes estão distante[s] da extinção -, apenas o estreitamento da vida e assepsia da sociedade.

Comentário geral

Apesar dos poucos erros gramaticais, o texto - demasiadamente breve - não chega a ser uma dissertação. Além disso, o tema proposto, o "selinho", é apenas tangenciado. Tanto que a redação sequer o menciona. O autor apresenta - numa linguagem obscura que se pretende fazer passar por complexa - uma tese (a de que há muitas formas de se expressar afeto, sendo impossível condená-las aprioristicamente), mas não desenvolve uma argumentação para justificá-la. Talvez acredite que o simples fato de apelar a um filósofo como Espinosa seja suficiente para demonstrar o que pretende. Não é. Até porque, em relação ao "selinho" não ocorreu nenhuma caça às bruxas, apenas alguns casos de intolerância. De qualquer modo, uma argumentação não deve se constituir de um único argumento, mesmo que ele seja de autoria de um filósofo do porte de Espinosa.

Competências avaliadas

CompetênciaNota
1.Demonstrar domínio da norma culta da língua escrita.1.0
2.Compreender a proposta da redação e aplicar conceito das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo.0.0
3.Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista.0.0
4.Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação.0.0
5.Elaborar a proposta de solução para o problema abordado, mostrando respeito aos valores humanos e considerando a diversidade sociocultural.0.0
Total 1.0

Desempenho do aluno em cada competência

Nota 2,0 - Satisfatório Nota 0,5 - Fraco
Nota 1,5 - Bom Nota 0,0 - Insatisfatório
Nota 1,0 - Regular
Leia a proposta completa
Leia outras redações avaliadas
Os textos publicados antes de 1º de janeiro de 2009 não seguem o novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. A grafia vigente até então e a da reforma ortográfica serão aceitas até 2012

Compartilhe:

    Receba notícias

    Shopping UOL

    Hospedagem: UOL Host