UOL EducaçãoUOL Educação
UOL BUSCA

Biografias

Gamal Abd el-Nasser
Presidente do Egito
de 1954 a 1970
15-1-1918, Alexandria
28-9-1970, Cairo

Do Klick Educação

Nasser foi um dos fundadores do movimento de "oficiais livres". Como capitão, ao lado do general Ali Mohamed Naguib, determinou em 1952 um golpe de estado contra o rei Faruk I (no trono desde 1936). Como membro do Conselho Revolucionário e vice-primeiro-ministro a partir de 1953, destituiu Naguib do poder, em 1954, auxiliado pela facção dos oficiais revolucionários mais radicais. Assumiu então a chefia do Estado e, com sua personalidade carismática, conseguiu instaurar um sistema de partido único. Procedeu à reforma das estruturas agrárias, combateu o fundamentalismo árabe e pôs em prática um processo de industrialização, do qual a construção da barragem de Assuã é um dos projetos mais significativos. Respondeu à suspensão do crédito britânico e norte-americano com a nacionalização do canal de Suez em 1956, desencadeando a crise com o mesmo nome. Apesar das derrotas ante Israel, em 1956 e 1967 (Guerra dos Seis Dias), que o levaram a procurar a cooperação da União Soviética, Nasser reafirmou-se como líder do movimento pan-árabe e como propagandista da luta antiimperialista. Seu objetivo era um regime socialista adaptado à especificidade árabe. A associação com a Síria, que deu origem à República Árabe Unida (1958-1961), foi entendida por Nasser como um primeiro passo em direção à unificação do mundo árabe. Com Josip Tito e Jawaharlal Nehru, tornou-se um dos principais representantes dos países não-alinhados. Seu sucessor na presidência foi Anuar el Sadat.
Os textos publicados antes de 1º de janeiro de 2009 não seguem o novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. A grafia vigente até então e a da reforma ortográfica serão aceitas até 2012

Compartilhe:

    Receba notícias

    Lição de Casa Dicionários

    Aulete

    Português

    Houaiss

    Português

    Michaelis


    Tradutor Babylon


    Shopping UOL

    Hospedagem: UOL Host