Topo

Biografias


Mengistu Hailé Mariam Chefe de Estado da Etiópia <br />de 1977 a 1991

1937, Soddo

Do Klick Educação

17/08/2015 20h58

"Mengistu Hailé Mariam" significa em amárico, a língua oficial da Etiópia, "seu país, o poder de Maria". Mengistu colaborou, em 1974, para a queda do imperador Hailé Selassié I; em 1977, tornou-se presidente do Conselho Militar Provisório e, mais tarde, chefe de Estado e comandante-chefe do Exército. Em 1984, foi nomeado secretário-geral do recém-criado Partido dos Trabalhadores da Etiópia e, em 1987, assumiu a presidência da República. Com o auxílio cubano e o soviético, Mengistu transformou o reino da Etiópia num Estado marxista, e o seu governo caracterizou-se pelas sangrentas guerras civis contra a população de etnia somali do sudeste do país e contra o Movimento para a Independência da Eritréia, assim como pelas epidemias de fome que assolaram o norte do território etíope. Quando Cuba e Rússia interromperam a ajuda econômica prestada a seu país, após a queda do Muro de Berlim e com a escalada militar interna, Mengistu viu-se forçado a abandonar o poder e a refugiar-se no exterior.