UOL EducaçãoUOL Educação
UOL BUSCA

Biografias

Príncipe de Mônaco

Rainier 3º

03/06/1923, Mônaco
06/04/2005, Mônaco

Da Redação
Em São Paulo

[creditofoto]

[creditofoto]

Príncipe Rainier 3º

O príncipe Rainier 3º, ou Louis Henri Maxena Bertrand Rainier, soberano do Principado de Mônaco, nasceu em 31 de maio de 1923, filho da princesa Charlotte Louise Juliette Grimaldi, duquesa de Valentinois, e do príncipe Pierre, conde de Polignac.

Rainier substituiu seu avô, o príncipe Louis 2º, em 9 de maio de 1949. Após sua morte, em 6 e abril de 2005, foi sucedido no trono por seu filho, o príncipe Albert 2º, que já havia assumido a regência de Mônaco no dia 31 de março, devido ao agravamento da doença de seu pai.

A história dos Grimaldi, soberanos do principado de Mônaco há mais de 700 anos, é marcada por interrupções na linhagem masculina, o que levou a algumas "adaptações", que incluíram até o reconhecimento de paternidade de filhos ilegítimos. O príncipe Rainier 3º é produto de um desses "reconhecimentos", para garantir a continuidade da família Grimaldi no trono.

Família
Quando serviu na Legião Estrangeira francesa (durante os anos de 1897 e 1908), Louis, avô de Rainier, esteve na Argélia e engravidou a filha de uma lavadeira. Charlotte Louise-Juliette, nascida em 1898, ilegítima, acabou sendo elevada ao posto de princesa, já que Louis não tinha filhos legítimos.

A princesa Louise-Juliette, então, casou-se com o conde Pierre em 1920, que aceitou trocar o sobrenome Polignac para Grimaldi, seguindo a linhagem familiar. Do casamento nasceram dois filhos, Antoinette (que nasceu em 1921) e Rainier.

O príncipe fez seus estudos primários em escolas particulares do Reino Unido e da Suíça. Concluiu os estudos de nível médio em Montpellier (sudeste da França) e depois entrou na escola de Ciências Políticas de Paris.

Em 28 de setembro de 1944, alistou-se como voluntário estrangeiro no exército francês e participou da campanha na Alsácia. Serviu no escritório de artilharia do Exército francês durante a Segunda Guerra Mundial (1939-1945) e recebeu várias condecorações por coragem, incluindo a Cruz da Legião da Honra.

Trono
Com a morte do pai de Rainier, Louise-Juliette foi levada ao status de princesa-regente, mas abdicou do trono em favor do filho, que à época tinha 25 anos.

Quando Rainier sucedeu a seu avô, Mônaco era conhecido principalmente pelo cassino no qual se fundamentou sua prosperidade no século 19. Como último autocrata constitucional da Europa, ele conduziu o principado para uma era de arranha-céus, negócios bancários internacionais e outros.

Ao assumir o principado, o príncipe realizou uma reforma na Constituição, que passou a vigorar em 1962. Com tal reforma, ele reduziu o poder da monarquia e criou uma assembléia, eleita pelo povo.

Rainier buscou reduzir a dependência econômica de Mônaco sobre o turismo, tornando o principado um "paraíso fiscal", o que levou dezenas de bancos e instituições financeiras ao país. Os negócios imobiliários também se tornaram uma atividade lucrativa.

Rainier fortaleceu a soberania de Mônaco, e em 1993 o país conquistou um lugar na ONU.

Em 1997, o monarca celebrou o 700º ano da dinastia Grimaldi no poder.

Até sua morte, Rainier 3º, príncipe de Mônaco, duque de Valentinois, conde de Carlades, barão do Buis, senhor de Saint-Remy, senhor de Matignon, conde de Torigni, barão de Saint-Lo, barão de La Luthumiere, barão de Hambye e duque de Mazarin, era o mais antigo dos soberanos do planeta.

Pendurado num rochedo, com apenas 2 km² de área, Mônaco é também sede de um GP de Fórmula 1 e do importante Instituto Oceanográfico, que já foi dirigido por Jacques Cousteau.

Grace Kelly
Em 18 de abril de 1956, Rainier se casou com Grace-Patricia Kelly. Do casamento, nasceram Caroline (23 de janeiro de 1957), Albert (14 de março de 1958) e Stephanie (1º de fevereiro de 1965).

Diva do diretor Alfred Hitchcok, norte-americana e católica, Grace Kelly filmou no principado "Ladrão de Casaca" (1954), com Cary Grant, e, no ano seguinte, durante o festival de Cannes, apaixonou-se por Rainier.

Em 1982, Grace Kelly morreu aos 52 anos em um acidente de carro e foi enterrada na catedral de Monte Carlo, capital monegasca, onde flores adornam seu monograma, com duas letras "G" entrelaçadas.

Grace Kelly é considerada uma das grandes divas do cinema norte-americano. Longe das telas desde seu casamento com o príncipe Rainier 3º, a atriz começou sua vida no cinema aos 22 anos, após uma carreira na Broadway iniciada em 1949, e ganhou o Oscar de melhor atriz em 1954.

Ao lado do ator Gary Cooper, ela obteve seu primeiro sucesso, no filme "High Noon", de 1952. No suspense "Disque M para Matar", do mestre do gênero Alfred Hitchcock, a atriz atingiu o ponto mais alto de sua carreira.

Com informações da Folha Online

Leia também:

Compartilhe:

    Receba notícias

    Lição de Casa Dicionários

    Aulete

    Português

    Houaiss

    Português

    Michaelis


    Tradutor Babylon


    Shopping UOL

    Hospedagem: UOL Host