Enem

Sisu: MEC contabiliza cerca de 30 casos de estudantes com resultado trocado

Da Redação
Em São Paulo

Atualizada em 18 de março, às 10h53

Cerca de 30 estudantes tiveram o resultado alterado no Sisu (Sistema de Seleção Unificada), passando de "aprovado" para "reprovado". O dado é de levantamento divulgado nesta quarta-feira (17) pelo MEC (Ministério da Educação).


O problema, segundo o ministério, ocorreu por um erro no momento de "alinhar os dados" de matrículas que haviam sido incluídas por ordem judicial. Ou seja, na composição da lista de espera, houve uma falha técnica.

De acordo com a titular da Sesu (Secretaria de Educação Superior), Maria Paula Dallari Bucci, a maior parte dos casos devem ser resolvidos nas próximas listas de espera. Agora, cada instituição fará sua própria chamada; os interessados devem consultar as universidades para as quais se inscreveram.

O número foi estimado com base nos candidatos que compareceram às universidades e apresentaram prova de que haviam sido aprovados no início da tarde domingo (14). Dos 30, dois terços devem ser automaticamente classificados, pois estão no topo da lista de espera. O restante deve entrar por vagas excedentes.

Das 47,9 mil vagas oferecidas no sistema, 40.789 foram preenchidas. As cerca de 7.000 vagas restantes devem ser preenchidas com os candidatos que confirmaram interesse por vaga (136 mil), o que resulta numa relação de mais de 19 candidatos por vaga.

No domingo, o MEC alterou o resultado da lista de espera do Sisu e, com isso, estudantes que constavam como aprovados, verificaram posteriormente que não haviam passado e estão revoltados com a situação.

Mobilidade

Estudo preliminar sobre as matrículas realizadas apontam para uma tendência de crescimento da mobilidade acadêmica, diz o MEC. Até o final da terceira etapa, quando 33.039 estudantes haviam se matriculado, 8.353 optaram por estudar fora de seu Estado de origem, o que representa uma taxa de mobilidade de 25%. Anteriormente, esse percentual era de, aproximadamente, 1%.

Para garantir receber os alunos de outros Estados, as instituições de ensino receberão verbas do Plano Nacional de Assistência Estudantil (PNAES). O orçamento destinado à área passou de R$ 126 milhões, em 2008, para R$ 300 milhões, em 2010.

Participaram da primeira edição do Sisu 51 instituições, sendo 23 universidades federais e 26 institutos federais. Além das instituições federais, a Uenf (Universidade Estadual do Norte Fluminense) e a Ence (Escola Nacional de Ciências Estatísticas) do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística) também compuseram o sistema.

Leia mais
MEC altera resultado da lista de espera do Sisu; vestibulandos se dizem prejudicados
Sisu do meio do ano deve ocorrer em maio, diz MEC
Ministro da Educação descarta realizar duas provas do Enem em 2010
Federais planejam criação de método para avaliar Enem
Sisu encerra inscrição sob ameaça de sobra de vaga em curso top
MEC cogita mudanças no Sisu, após desistência de aprovados
Nota mínima de certificação para o ensino médio pelo Enem 2009 é 400
MEC regulamenta sistema de vagas em instituições federais
Veja fotos dos candidatos do Enem 2009

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

UOL Cursos Online

Todos os cursos