Topo

Governo quer mandar 10 mil estudantes brasileiros para o Reino Unido em 4 anos

Fábio Brant

Do UOL, em Brasília

18/01/2012 15h37

Uma parceria entre os governos brasileiro e britânico quer enviar 10 mil estudantes brasileiros para o Reino Unido nos próximos quatro anos. O número foi dito hoje pelo ministro das Relações Exteriores, Antonio Patriota, e por seu colega britânico William Hague.

Antes da entrevista, os dois chanceleres almoçaram com o ministro Aloizio Mercadante (Ciência e Tecnologia) e trataram do assunto.A parceria faz parte do programa Ciência sem Fronteiras, que o governo federal lançou com objetivo de facilitar estudos de brasileiros no exterior. 

O chanceler britânico fica no Brasil até esta quinta-feira (19), quando irá ao Rio de Janeiro e terá encontro com o governador Sérgio Cabral (PMDB).

Vaga permanente no Conselho de Segurança

Além de falar sobre o Ciência sem Fronteiras, o brasileiro e o britânico falaram também sobre o pleito do Brasil de obter um assento permanente no Conselho de Segurança da ONU. A presença temporária do país no Conselho se encerrou em dezembro de 2011.

Hague disse que “o Brasil é um parceiro de importância crescente para o Reino Unido” e reiterou que a posição de seu governo é por um “Conselho de Segurança com representação permanente do Brasil”.

Os ministros também falaram sobre comércio. Dados do governo sustentam que o comércio entre Brasil e Reino Unido totalizou R$ 8,57 bilhões em 2011 –10,21% mais do que em 2010.

Mais Educação