PUBLICIDADE
Topo

Ônibus escolar cai em rio no interior do RN e deixa 11 feridos

Ônibus com estudantes de Ipanguaçu voltava de Assu (RN) quando caiu no rio. 11 pessoas ficaram feridas - Focoelho.com
Ônibus com estudantes de Ipanguaçu voltava de Assu (RN) quando caiu no rio. 11 pessoas ficaram feridas Imagem: Focoelho.com

Carlos Madeiro

Do UOL, em Maceió

02/10/2013 19h58

Um acidente com um ônibus escolar que caiu em um rio no sertão do Rio Grande do Norte deixou 10 estudantes e uma professora feridos, na tarde desta terça-feira em Assu (a 209 km de Natal).

Veja também

  • Ricardo Manciolli/Reprodução Facebook

    Ônibus escolar explode e mata criança no interior de Goiás

  • Cristiane Capuchinho/UOL

    Em Santarém, alunos usam lancha para irem à escola

O ônibus caiu e ficou quase todo submerso no rio Assu. Todos os feridos foram levados a hospitais da região, e dois deles permaneciam internados até esta noite.

Os estudantes eram do município de Ipanguaçu (a 215 km de Natal) e voltavam de uma feira de ciências na cidade vizinha de Assu no ônibus, que aparentava ter boas condições.

Segundo relato dos estudantes ao blogueiro Francisco Coelho, o ônibus estava superlotado e teria tombado no rio por conta do peso.

“O pessoal disse que o motorista não tem qualificação, e que ônibus tinha cerca de 100 alunos. O veículo vinha de Assu, de uma feira de ciências, e na saída ainda pegou outro grupo de alunos. Estava muito cheio”, contou.

O blogueiro disse ainda que a estrada por onde o ônibus passava é de terra e tem estrutura precária. “É um local muito estreito, onde só passa um carro às margens do rio Assu. O local é um desvio que tem de ser pego por quem vai de Ipagunçu para Assu. Quando tem enchente, por exemplo, ninguém passa”, relatou.

Feridos

Os 11 feridos foram levados para o Hospital Regional de Assu. Segundo a chefe do serviço social da unidade, Alana Katiane, 10 adolescentes entre 14 e 16 anos e uma adulta deram entrada no hospital nesta tarde.

“A maioria foi escoriações leves. Nove foram liberados. Uma adolescente com suspeita de fratura foi transferida para Mossoró [a 73 km d Assu]. Já a professora Sandra Leite está em observação se queixando de dor intensa. Ela relatou que todos do ônibus caíram por cima dela”, disse.

A reportagem tentou contato com a prefeitura de Ipanguaçu, que seria responsável pelo transporte, e com a Delegacia de Assu, para saber detalhes das investigações do acidente, mas nenhuma das ligações foi atendida.