Topo

Vestibular


Primeiro dia de prova do Enem 2018 chega ao fim; UOL fará correção comentada

Do UOL, em São Paulo

04/11/2018 19h00

Chegou ao fim o primeiro dia de prova do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) 2018. Aproximadamente 5,5 milhões de candidatos fizeram a prova em mais de 12 mil localidades em todo o Brasil. A aplicação do exame foi encerrada às 19h (horário de Brasília) deste domingo (4).UOL, em parceria com o Curso Objetivo, fará a correção online comentada das provas, além de divulgar o gabarito extraoficial. Fique atento!  

A aplicação regular, iniciada às 13h30, teve 5 horas e 30 minutos de duração. Participantes com direito a tempo adicional e que solicitaram o recurso durante a inscrição terão uma hora a mais, encerrando a prova às 20h. Deficientes auditivos e surdos que optaram pela Videoprova Traduzida em Libras, novidade que estreou na edição do ano passado, terão duas horas a mais e poderão terminar suas provas até 21h.

- Confira a correção comentada e o gabarito extraoficial do 1º dia de provas do Enem 2018

Leia também:

Os candidatos fizeram hoje as provas de linguagens e ciências humanas, além da redação, cujo tema foi “Manipulação do comportamento do usuário pelo controle de dados na internet”.

O segundo dia de provas acontece no próximo domingo (11), quando será a vez das provas de ciências da natureza e matemática. Esta é a segunda vez que as provas do Enem são aplicadas em dois finais de semana separados.

A divulgação dos gabaritos oficiais acontecerá no dia 14 de novembro, e os resultados serão publicados no dia 17 de janeiro de 2019. 

Redação

Ao contrário dos últimos anos, o tema de redação do Enem 2018 fugiu de temas sobre minorias sociais e pediu para os estudantes analisarem a "Manipulação do comportamento do usuário pelo controle de dados na internet". Para especialistas consultados pela reportagem, o Ministério da Educação pode ter fugido de temas polêmicos em razão do "clima político" de polarização que o Brasil vive no pós-eleições.

"O Enem quebrou o padrão adotado nos últimos três anos, quando falou de minorias", afirmou ao UOL o professor de redação do cursinho Anglo, Aníbal Telles. "No ano passado, a redação falou de surdos, no ano retrasado, sobre intolerância religiosa, especialmente racismo, já que tratava de religiões de matriz africana. No ano anterior, o tema foi violência contra a mulher."

Professora de redação do Objetivo, Viviane Xanthakos concorda. "É complicado dizer se fugir de temas sociais foi resultado da polarização da eleição, mas é perfeitamente possível comentar política com esse tema." 

#VerificamosENEM: Checamos ao vivo informações que circulam nas redes 

Atrasados

Durante o fechamento dos portões, às 13h em ponto em um dos maiores locais de prova em São Paulo, a universidade Uninove (na zona oeste da cidade), 160 ativistas da plataforma Quero Bolsa, montaram uma corrente humana, criando um corredor para os candidatos que tivessem chegado na última hora. 

Enquanto isso, outros cerca de 100 jovens esperavam os atrasados do Enem com o único intuito de rir daqueles que não conseguiram chegar a tempo. Uma garota e um garoto chegaram atrasados. Mas o grupo Quero Bolsa formou um círculo humano sobre os atrasados, fazendo com que eles ficassem menos expostos.

Depois disso, o grupo que foi ao local para rir dos atrasados, junto a um grupo que se disse comediante e que estava trabalhando, tentou fazer imagens e se aproximar dos atrasados. Houve empurra-empurra, socos e chutes.

Ninguém ficou ferido. No dia 14 de novembro (quarta-feira), o MEC publica o gabarito dos cadernos de questões. A divulgação dos resultados individuais, no entanto, sairá apenas no dia 18 de janeiro de 2019. Em março do ano que vem, em data ainda a ser definida, serão divulgados os resultados dos treineiros.

Mais Vestibular