PUBLICIDADE
Topo

Esse conteúdo é antigo

Alunos de escolas municipais de São Paulo receberão apostila em casa

Reprodução/Pixabay
Imagem: Reprodução/Pixabay

Do UOL, em São Paulo

16/04/2020 08h04

Alunos da rede municipal de São Paulo receberão em casa materiais e conteúdos pedagógicos para serem utilizados durante o período da pandemia do coronavírus. A entrega será feita pelo Correio.

Para que o material seja entregue, a secretaria pede que os responsáveis pelos alunos preencham um formulário online atualizando os dados cadastrais. Para quem não tiver internet, o número 156 também está disponível.

Segundo o secretário municipal de Educação, Bruno Caetano, até o momento apenas 150 mil cadastros foram realizados — a rede municipal tem 1 milhão de alunos. Ele diz que o cadastro pode ser feito em cerca de 30 segundos.

Em entrevista à TV Globo, Caetano disse que os professores checarão as apostilas quando as aulas forem retomadas e farão um reforço escolar.

Os alunos que têm acesso à internet poderão a partir de hoje tirar dúvidas com os professores num plantão que será feito por meio de uma plataforma online.

"Mas isso não é o fundamental, a gente sabe que tem muita criança que não tem acesso à internet. Por isso, fizemos essa estratégia de ter um livro para cada um. A partir dele, quando as aulas voltarem, os professores vão ver onde cada um parou e fazer reforço escolar", explicou.

"A orientação do prefeito Bruno Covas é para que a gente garantisse para todas as crianças, independente da condição, acesso à educação neste período", acrescentou ele.

Segundo o secretário, a apostila tem em média 100 páginas, com atividades para cerca de dois meses. "Isso não significa que ficaremos tudo isso (sem aula), a volta está condicionada às orientações das autoridades de saúde", disse.