PUBLICIDADE
Topo

Uerj 2021: Adiado, vestibular acontece hoje; saiba tudo sobre a prova

Campus da Uerj (Universidade Estadual do Rio de Janeiro) - Reprodução/Google Street View
Campus da Uerj (Universidade Estadual do Rio de Janeiro) Imagem: Reprodução/Google Street View

Giorgia Cavicchioli

Colaboração para o UOL, em São Paulo

18/07/2021 04h00Atualizada em 18/07/2021 18h01

A Uerj (Universidade do Estado do Rio de Janeiro) realizou hoje, a partir das 9h (horário de Brasília), a prova para o vestibular 2021, que oferece 5.731 vagas.

O exame aconteceria em 2 de maio, mas foi adiado quatro vezes devido ao agravamento da pandemia de covid-19 no Rio.

Neste domingo, também saiu o gabarito, após o término do vestibular. As notas da redação serão divulgadas só no dia 30. A seguir, saiba tudo sobre a prova.

Veja o gabarito oficial do vestibular Uerj 2021.

Como vai ser o exame?

São 60 questões objetivas e uma prova de redação. Cada uma das 60 questões de múltipla escolha vale 1,5 ponto. A redação tem dez pontos de nota máxima.

Biologia, física, geografia, história, língua estrangeira, língua portuguesa e literatura, matemática e química sãs cobradas na prova objetiva. As perguntas são distribuídas em quatro questões interdisciplinares e sete de cada uma das disciplinas.

Os romances "Triste Fim de Policarpo Quaresma", de Lima Barreto, e "1984", de George Orwell, caem nas perguntas de língua portuguesa, literatura e redação. Fica proibida a consulta dos livros durante a prova.

Como funciona a divisão pelas cotas?

Pelo sistema de cotas, 45% das vagas serão distribuídas da seguinte forma:

  • 20% para negros, indígenas e quilombolas;
  • 20% para quem fez ensino médio na rede pública;
  • 5% para pessoas com deficiência e filhos de policiais civis e militares, de bombeiros e de inspetores de segurança e administração penitenciária mortos ou incapacitados em razão do serviço.

Como saber onde fazer a prova?

O candidato precisa acessar o site www.vestibular.uerj.br e obter o seu Cartão de Confirmação de Inscrição.

Nele, estão data, horário e local de realização da prova. O exame começa às 9h (horário de Brasília) e dura no máximo cinco horas.

O que levar no dia da prova?

O candidato tem de chegar uma hora antes do início da prova e precisa levar o cartão de confirmação de inscrição, caneta esferográfica de corpo transparente, com tinta preta ou azul-escuro, e qualquer documento original e oficial de identificação com foto.

O candidato só poderá sair do local de prova após uma hora e meia do início do exame, com a entrega do cartão de respostas, do caderno de prova e da folha de redação ao fiscal.

No edital, não há nada falando sobre uso de máscaras. Mas, no Rio, uma lei estadual determina sua obrigatoriedade até o fim da pandemia.

O que não pode levar?

Não é permitido ao candidato portar arma (mesmo que tenha autorização), fumar, usar relógio, óculos escuros, boné, chapéu, viseira, gorro nem protetores auriculares. Também não se pode usar lápis, lapiseira, caneta de material que não seja transparente, borrachas e corretivos líquidos.

Se a pessoa estiver com algum objeto pessoal proibido, pode guardá-lo em um envelope plástico que será dado pelo fiscal antes de sua entrada na sala de prova.

Também não é permitido que o candidato fique com o celular. Ele vai precisar ser desligado e a bateria vai precisar ser retirada antes de o envelope plástico ser lacrado, identificado pelo candidato e colocado embaixo da carteira.

Próximas datas

  • 18 de julho - aplicação da prova e divulgação do gabarito
  • 20 de julho - divulgação dos resultados dos recursos do sistema de cotas
  • 30 de julho - divulgação das notas de redação
  • 30 de julho até 1º de agosto - pedido de revisão das notas de redação
  • 2 de agosto - último dia de pagamento do pedido de revisão
  • 9 de agosto - divulgação da listagem de notas da redação após a revisão, lista de classificação, boletim do candidato e edital complementar dos procedimentos de matrícula e reclassificação.