PUBLICIDADE
Topo

Greve dos médicos residentes tem adesão de 80%

17/08/2010 19h25

São Paulo - A greve dos médicos residentes iniciada hoje em todo o País conta com adesão de 80% da categoria, segundo a Associação Nacional dos Médicos Residentes (ANMR). A porcentagem corresponde a aproximadamente 17,5 mil profissionais.

Segundo a categoria, o Estado de São Paulo tem adesão parcial na paralisação. O hospital de Heliópolis aderiu hoje à greve. Está marcado para o dia 19 deste mês a inclusão na greve dos hospitais universitários da Universidade de São Paulo (USP), do Santa Marcelina e do Servidor Público Estadual.

Ontem, o Ministério da Saúde ofereceu aumento de 20% na bolsa mensal a partir do Orçamento de 2011. De acordo com a ANMR, assembleias estão sendo realizadas em todos os Estados brasileiros para discutir a proposta, mas as respostas até agora foram negativas quanto à aceitação.

A categoria reivindica aumento de 38,7% na bolsa mensal, instituição de data base anual para reajuste, 13º salário, chamada de gratificação natalina, aumento da licença maternidade de quatro para seis meses, auxilio alimentação e adicional por insalubridade.