Topo

Planos de aula

Ensino Fundamental


Sociologia - Hierarquização nas estruturas de ensino no mundo democrático

Celina Fernandes Bruniera

Hierarquização nas estruturas de ensino no mundo democrático

Objetivos

1) Socializar as representações que os alunos têm sobre democracia e sobre o sistema de ensino num mundo democrático;

2) Problematizar essas representações por meio da discussão de um caso francês;

3) Reconhecer a existência de mecanismos de hierarquização no interior de instituições de uma configuração social supostamente democrática;

4) Analisar o sistema de ensino brasileiro, particularmente o universitário.

Estratégias

1) Perguntar aos alunos o que entendem por democracia;

2) Indagar se acreditam viver num mundo democrático e pedir que justifiquem a resposta;

3) Perguntar quais seriam os indícios de que uma dada configuração social é democrática;

4) Pedir que descrevam o que seria para os alunos um sistema de ensino num mundo democrático;

5) Levantar o conhecimento dos alunos acerca do sistema de ensino brasileiro, particularmente o universitário. Perguntar se consideram esse sistema de ensino adequado a um mundo supostamente democrático;

6) Dizer aos alunos que eles lerão um artigo intitulado Os excluídos do interior de Pierre Bourdieu e Patrick Champagne publicado em "Escritos de Educação", Maria Alice Nogueira e Afrânio Catani (org.), Editora Vozes. Perguntar o que esperam encontrar num artigo com esse título;

7) Apresentar aos alunos uma síntese da vida e da obra de Pierre Bourdieu e do contexto de produção do artigo em questão. Os organizadores da publicação Escritos de educação redigiram uma introdução bastante elucidativa para o volume e para a compreensão da obra de Bourdieu. O texto intitulado "Uma sociologia da produção do mundo cultural e escolar" pode ampliar o repertório do professor;

8) Ler para os alunos os extratos de entrevistas realizadas com jovens franceses sobre o sistema de ensino francês publicados como anexos do artigo "Os excluídos do interior". Perguntar, ao final da leitura de cada um dos extratos se os alunos se reconhecem nas impressões apresentadas pelos estudantes franceses;

9) Pedir que os alunos reelaborem suas hipóteses sobre o conteúdo do artigo e que o leiam em casa. Solicitar que façam um quadro sintético da leitura, apresentando em tópicos as idéias principais do texto;

10) Indagar sobre como os autores apresentam o tema da desigualdade escolar por meio desse artigo. Aqui é importante perceber se os alunos conseguem estabelecer relações entre as várias informações sobre o sistema de ensino francês e os conceitos que o artigo traz;

11) Solicitar que os alunos digam o que entenderam por reprodução e por capital cultural, dois conceitos importantes na obra de Bourdieu. Ajudar os alunos a construírem esses conceitos, aprofundando a leitura do artigo e tematizando outras obras do autor;

12) Pedir que expliquem o que entendem por "excluídos do interior" após lerem o artigo;

13) Perguntar como interpretam as impressões dos jovens francês sobre os sistema de ensino agora que leram o artigo;

14) Pedir que façam a comparação do sistema de ensino francês e do brasileiro e perguntar se consideram esses sistemas próprios de um mundo democrático.

Sugestão

O projeto pode ser desenvolvido em quatro aulas.

é mestre em sociologia da educação pela Universidade de São Paulo e assessora educacional.

Mais Ensino Fundamental