UOL EducaçãoUOL Educação
UOL BUSCA

Últimas Notícias

31/03/2010 - 19h55

Conferência de Educação quer 20 alunos por sala de aula no ensino fundamental

Simone Harnik
Em Brasília

Representantes da sociedade civil decidiram, nesta quarta-feira (31), na Conae (Conferência Nacional de Educação), que o número de alunos por sala de aula deve diminuir. Foi aprovada uma proposta para que todas as turmas tenham cinco estudantes a menos do que o indicado atualmente.

Pelo texto da Conae, as turmas da pré-escola devem diminuir de 20 para 15 alunos; as do ensino fundamental, de 25 para 20; as de ensino médio, de 30 para 25; e, finalmente, as de ensino superior, de 35, para 30.

Número de alunos por sala de aula
NÍVEL DE ENSINO COMO ESTÁ COMO DEVE FICAR
Pré-escola 20 15
Ensino fundamental 25 20
Ensino médio 30 25
Ensino superior 35 30

Vale lembrar que estes números são indicativos, mas há muitas escolas que não os colocam em prática.

Outra reivindicação dos representantes é que a formação de professores seja feita presencialmente – diminuindo a oferta de cursos a distância para graduações de docentes.

Financiamento

As plenárias da Conae decidiram pedir que o valor aplicado em educação seja de 7% do PIB (Produto Interno Bruto), em 2011, chegando a 10% do PIB em 2014. A criação do CAQ (Custo Aluno-Qualidade), que estabelece o valor mínimo a ser investido anualmente por aluno, também foi aprovada.

Parte deste financiamento deve ser investida nos salários dos professores. A categoria conseguiu aprovar que a correção do piso do magistério seja feita pelos índices do Dieese (Departamento Intersindical de Estatística e Estudos Socioeconômicos).

O que já foi aprovado

Segundo o secretário executivo adjunto do MEC (Ministério da Educação), Francisco das Chagas, que coordena a Conae, 90% dos textos em debate já foram aprovados, com acréscimo ou redução. Mas todos os pontos podem ser debatidos novamente, caso representantes considerem necessário.

Nesta quinta (1º), último dia da Conae, a polêmica deve ficar em torno da votação sobre as cotas. Já foi aprovada a reserva de 50% das vagas das universidades para estudantes egressos da rede pública. O que falta ser decidido é se haverá ou não recorte racial.

A Conae pretende formular as diretrizes para a política educacional do país. O texto final serve como um indicador dos anseios da sociedade no setor da educação. Ele não terá poder de norma, mas deve funcionar como instrumento de pressão política.

Antes da conferência foram realizadas reuniões em estados e municípios com mais de 400.000 participantes ao todo, diz Chagas. O custo final estimado nos dois anos é de R$ 25 milhões a R$ 28 milhões.

 

Leia mais
Livros didáticos e escolas terão de incluir temática LGBT
18% da população carcerária do país têm acesso à educação
Debate sobre cotas raciais é morno na Conferência Nacional de Educação
"Falta divulgação para ampliar EJA", diz coordenador da Ação Educativa
Melhorar educação depende de piso e carreira para professores
Indígenas de educação pedem sistema de ensino próprio
Rankings de escolas prejudicam a educação, diz especialista
MEC: 4,1 milhões de crianças e jovens estão fora da escola
"Enem deve passar por avanços", afirma ex-presidente do Inep
Brasil começa a discutir um "SUS" para a educação nesta segunda-feira
Manifestações marcam abertura da Conferência Nacional de Educação
Para especialistas, atual Plano Nacional de Educação "fracassou"
MEC pede que Plano Nacional de Educação ultrapasse questão partidária
Só piso salarial não resolve problema de professor, diz Haddad
Servidores da UnB entram em confronto com seguranças na Conae
Os textos publicados antes de 1º de janeiro de 2009 não seguem o novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. A grafia vigente até então e a da reforma ortográfica serão aceitas até 2012

Compartilhe:

    Receba notícias

    Lição de Casa Dicionários

    Aulete

    Português

    Houaiss

    Português

    Michaelis


    Tradutor Babylon


    Intercâmbio

    Shopping UOL

    Hospedagem: UOL Host