PUBLICIDADE
Topo

Raúl Castro Ruíz Presidente interino de Cuba

03/06/1931, Biran, Cuba

Da Página 3 Pedagogía & Comunicação

13/09/2007 07h57

Fidel Castro, que governou Cuba desde a revolução de 1959, delegou em 31 de julho de 2006, em caráter provisório e por motivos de saúde, os cargos de primeiro secretário do Partido Comunista, de presidente do Conselho de Estado e de comandante-chefe das Forças Armadas, ao seu irmão Raúl Castro, que é a segunda figura do atual regime.

De acordo com a Constituição cubana, o primeiro vice-presidente do Conselho de Estado assume o cargo presidencial durante a enfermidade ou morte do presidente.

Raúl é o mais jovem entre os três irmãos de Fidel Castro e teve grande importância à frente das Fuerzas Armadas Revolucionarias (FAR), desde sua fundação, em 16 de outubro de 1959.

Estudou no Colégio Jesuíta de Dolores, em Santiago de Cuba, e no Colégio de Belén, em Havana. Cursou Ciências Sociais e uniu-se à Juventude Socialista, afiliada ao Partido Comunista Cubano, então chamado Partido Socialista Popular (PSP).

Em 1953, Raúl foi um dos integrantes do Movimento Revolucionário 26 de Julho, que atacou o quartel de La Moncada em Santiago de Cuba. Foi preso e posteriormente exílado para o México, onde conheceu Ernesto "Che" Guevara, que apresentou ao círculo de Fidel Castro.

Raúl passou a preparar, com seu irmão, uma invasão a Cuba, a bordo do iate Granma.

Da investida, em 1957, sobreviveram apenas 16 guerrilheiros que se refugiaram em Sierra Maestra, sob o comando de Fidel. Com Juan Almeida, organizaram uma segunda frente de guerrilha contra o governo de Fulgencio Batista.

Com Camilo Cienfuegos e Che Guevara, consolidaram o avanço revolucionário e em 1º de janeiro de1959 tomaram a capital, Havana, com amplo apoio popular e sob as bandeiras da moralização, do nacionalismo e do antiimperialismo. Sete dias depois selaram a vitória com a tomada de Santiago de Cuba.

Raúl Castro passou a fazer parte da direção nacional das Organizações Revolucionárias Integradas e do Partido Unido da Revolução Socialista de Cuba.

É ministro e general máximo das Forças Armadas Revolucionárias desde 1959.

Raúl Castro Ruíz foi casado com Vilma Espin, a quem conheceu em Sierra Maestra. O casal teve quatro filhos e oito netos.