Topo

Biografias


Robert Grosseteste Filósofo e teólogo inglês

c. 1175, Stradbrooke (Inglaterra)

9 de outubro de 1253, Lincoln (Inglaterra)

Da Página 3 Pedagogia & Comunicação

19/10/2009 23h04

Robert Grosseteste estudou em Oxford, tornando-se mestre em Ciências Humanas entre 1186 e 1189. Mais tarde, entre 1209 e 1214, tornou-se mestre em teologia, provavelmente em Paris.

Grosseteste foi um pensador original que usou as teses aristotélicas e agostinianas como pontos de partida. Seguindo os passos de Aristóteles, acreditava que o conhecimento proveniente dos sentidos é a base de todo conhecimento, e que essa base é a nossa descoberta da causa daquilo que é experimentado ou revelado pela experiência.

Influenciado por Agostinho, Grosseteste acreditava que a luz exerce importante papel na criação. Sustentou, assim, que Deus produziu o mundo criando primeiro a matéria a partir da qual emanou um ponto de luz, a primeira forma corpórea de energia, uma de cujas manifestações é a luz visível.

Grosseteste trabalhou em áreas aparentemente díspares, como a ótica e a angelologia. Foi um dos primeiros a se interessar pelas obras de Aristóteles, àquela época recentemente recuperados, chegando mesmo a traduzir alguns desses livros, introduzindo-os, a seguir, no currículo da Universidade de Oxford.

Os trabalhos de Grosseteste - em física, matemática, Bíblia e línguas (inclusive grego) - influenciaram profundamente seu contemporâneo mais jovem, Roger Bacon, como também os objetivos educacionais da Ordem dos Franciscanos, na qual trabalhou como professor de teologia.

Robert Grosseteste foi o primeiro chanceler da Universidade de Oxford. Passou seus últimos dezoito anos de vida como bispo de Lincoln.
 

Dicionário de Filosofia de Cambridge