Instrumentista, arranjador e compositor brasileiro

Sivuca (Severino Dias de Oliveira)

26/05/1930, Itabaiana, PB<br> 14/12/2006, João Pessoa, PB​





Autor Da Página 3 Pedagogia & Comunicação




  • [creditofoto]

    O sanfoneiro paraibano destacou-se internacionalmente e fez carreira no exterior

    O sanfoneiro paraibano destacou-se internacionalmente e fez carreira no exterior

Sivuca ficou conhecido como compositor e acordeonista (sanfoneiro). Contribuiu para o enriquecimento da música brasileira e recebeu reconhecimento internacional por seus trabalhos que incluem choros, frevos, forrós e outros ritmos.

Severino Dias de Oliveira nasceu em uma família de sapateiros e agricultores em Itabaiana, pequeno município da Paraíba. Começou a tocar sanfona aos nove anos de idade, em feiras e festas populares. Aos 15, mudou-se para Recife, onde trabalhou na Rádio Clube de Pernambuco e recebeu o apelido de Sivuca.

Em 1948 tornou-se aluno do maestro Guerra Peixe e foi contratado pela Rádio Jornal do Comércio. Dois anos depois, em parceira com Humberto Teixeira, gravou o seu primeiro disco, pela Continental, que incluía a música "Adeus, Maria Fulô".

Em abril de 1955, Sivuca foi morar no Rio de Janeiro. Durante três anos foi artista contratado da Rádio e TV Tupi.

Em 1958, depois de várias apresentações na Europa, decidiu morar em Lisboa. No ano seguinte foi trabalhar em Paris, onde permaneceu quatro anos.

Em 1964 Sivuca mudou-se para Nova York, onde assumiu a direção musical das gravações da cantora africana Miriam Makeba. Excursionou pelo mundo e gravou na Suécia e no Japão. Retornando aos EUA criou músicas para filmes e realizou projetos com músicos como Hermeto Pascoal e Paul Simon, entre outros.

Sivuca foi casado com a compositora Gloria Gadelha, com quem desenvolveu um vasto trabalho, com destaque para o forró "Feira de Mangaio". Outras parcerias bem-sucedidas foram "João e Maria", com Chico Buarque e "No Tempo dos Quintais" e "Cabelo de Milho", ambas com Paulo Tapajós.

Após lutar contra um câncer na laringe, Sivuca morreu aos 76 anos.

UOL Cursos Online

Todos os cursos