Substantivo: Flexão de gênero, número e grau

Solange Lauro Marcondes, Especial para a Página 3 Pedagogia & Comunicação

Os substantivos fazem parte das classes gramaticais variáveis. Um substantivo pode variar em gênero, número e grau. Entenda o que quer dizer cada uma dessas flexões.

Gênero

Os substantivos masculinos são antecedidos pelo artigo "o". Como exemplo temos os substantivos o lança-perfume, o tapa, o champanha, o dó, o diabetes.

Já os substantivos femininos são antecedidos pelo artigo "a". É o caso de a agravante, a bacanal, a fênix, a alface, a ênfase, a poetisa.

A maioria dos substantivos têm duas formas: uma para o masculino, e outra para o feminino. São os substantivos biformes. Veja algumas regras de formação do feminino:

1) Substantivos terminados em -o mudam para -a. o sapo = a sapa o canário = a canária o piloto = a pilota
2) Substantivos terminados em -ão mudam para -ã, outros para -oa e ainda para -ona (neste caso, em aumentativos). o capitão = a capitã o tecelão = a tecelã/ teceloa o chorão = a chorona
3) Substantivos terminados em -or formam o feminino com o acréscimo de -a. o doutor = doutora o coletor = coletora o trabalhador = trabalhadora
4) Alguns substantivos terminados em -or podem fazer feminino mudando essa terminação para -eira. o arrumador = a arrumadeira o lavador = lavadeira o trabalhador = trabalhadeira 0 sufixo -eira pode indicar qualidade e, portanto, adjetivação: mulher trabalhadeira; pessoa faladeira
5) Alguns substantivos com terminação -e podem fazer o feminino mudando a terminação para -a. o infante = infanta o governante = a governanta o elefante = a elefanta
6) Substantivos terminados em -ês, -L e -z fazem o feminino com o acréscimo de -a. o freguês =a freguesa o oficial = oficiala o juiz = juíza

Há ainda substantivos que são masculinos ou femininos, conforme o sentido com que se acham empregados:

a cabeça (parte do corpo)/ o cabeça (o chefe) a grama (relva)/ o grama (unidade de peso)

Número

Os substantivos no singular indicam um único ser, ou uma ideia coletiva. Como exemplos temos cão, coração, amor, pai, país, grupo.

Os substantivos no plural indicam mais de um ser (com exceção dos coletivos). Como exemplo temos cães, corações, amores, pais, países.

Vamos observar as regras gerais das flexões de número dos substantivos.

1) Substantivos simples:

Terminação Regra Exemplos
Vogal ou ditongo oral acrescenta-se -S

livro = livros

cárie = cáries

degrau - degraus

-r ou –z acrescenta-se -ES

hambúrguer = hambúrgueres

estupidez = estupidezes

-m troca-se por -NS

álbum = álbuns

bem = bens

-ão

troca-se por –ÕES,

-ÃES,

-ÃOS

faisão = faisões

escrivão = escrivães

cristão = cristãos

-s (oxítonas ou monossílabos tônicos) acrescenta-se -ES

ás = ases

freguês = fregueses

-s (paroxítonas) ficam invariáveis

ônibus = ônibus

lápis = lápis

-x Ficam invariáveis

tórax = tórax

clímax = clímax

-al

-el

-ol

-ul

Troca-se por -IS

varal = varais

túnel = túneis

álcool = álcoois

azul = azuis

-il (oxítonas) Troca-se por -IS reptil = reptis
-il (paroxítonas) Troca-se por -EIS réptil = répteis

Observação: o plural dos substantivos no grau diminutivo terminados em -zinhos (as) forma-se da seguinte forma:

Bar bares barezinhos.

Flor flores florezinhas.

2) Substantivos compostos:

Regras Casos Exemplos
Só o primeiro elemento vai para o plural

1- Substantivos ligados por preposição;

2- Substantivos compostos por dois substantivos em que o segundo elemento dá ideia de finalidade ou limita o primeiro

pão-de-ló = pães-de-ló

mula-sem-cabeça = mulas-sem-cabeça

salário-família = salários-família

pombo-correio = pombos-correio

Só o último elemento vai para o plural

1- Nos compostos com os prefixos grão, grã e bel;

2- Nos compostos formados por palavras repetidas;

3- Nos compostos em que o primeiro elemento é um verbo ou palavra invariável e o segundo é um substantivo ou adjetivo;

4- Nos compostos de três ou mais elementos não ligados por preposição;

5- Substantivos formados pelo acréscimo de um prefixo ligado por hífen

grão-duque = grão-duques

tique-taque = tique-taques

beija-flor = beija-flores

alto-falante = alto-falantes

abaixo-assinado = abaixo-assinados

bem-te-vi = bem-te-vis

ex-namorado = ex-namorados

recém-nascido = recém-nascido

Os dois elementos vão para o plural

Nos compostos de:

1- substantivo+substantivo

2- substantivo+adjetivo

papai-noel = papais-noéis

amor-perfeito = amores-perfeitos

bóia-fria = bóias-frias

Ficam invariáveis

1- Compostos por frases substantivas;

2- Compostos por verbos+palavra invariável;

3- Compostos por verbos de sentido oposto

os bumba-meu-boi

os pisa-mansinho

os vai-e-volta

os leva-e-traz

Compostos com a palavra GUARDA

1- GUARDA é substantivo: faz plural normalmente;

2- GUARDA é verbo: fica invariável

guarda-noturno = guardas-noturnos

guarda-sol = guarda-sóis

Grau Os substantivos no grau aumentativo indicam grandeza, como nos exemplos casarão, narigão, mulherão, boqueirão.

Os substantivos no grau diminutivo indicam pequenez, como nos exemplos casinha, narizinho, mulherzinha, boquinha.

São dois os graus do substantivo: o aumentativo e o diminutivo. Os dois podem aparecer na forma sintética, ou seja, numa só palavra, e na forma analítica, isto é, em duas palavras.

 

 

 

 

 

 

 

Aumentativo de alguns substantivos:

  • Amigo: amigaço; amigalhaço; amigão.
  • Boca: bocarra; boqueirão.
  • Moça: mocetona.
  • Mão: manzorra; mãozorra; manopla.
  • Luz: luzerna.
  • Homem: homenzarrão.
  • Povo: povaréu.
  • Vaga: vagalhão.
  • Fedor: fedentina.

Diminutivo de alguns substantivos:

  • Corpo: corpúsculo.
  • Canção: cançoneta.
  • Febre: febrícula.
  • Moça: moçoila.
  • Homem: homúnculo; homenzinho; hominho.
  • Rapaz: rapazote; rapazelho.
  • Povo: poviléu.
  • Beijo: beijote.

 

Solange Lauro Marcondes, Especial para a Página 3 Pedagogia & Comunicação é professora de redação do Colégio COC-Universitário, de Santos (SP).

titulo-box Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos