Informações sobre o álbums
  • editoria:
  • galeria:
  • link: http://educacao.uol.com.br/album/2017/01/24/alunos-e-servidores-fazem-protesto-em-defesa-da-uerj.htm
  • totalImagens: 6
  • fotoInicial: 1
  • imagePath:
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20170124151801
    • Educação [16614]; Uerj [12721];
Fotos

24.jan.2017 - Professores e alunos realizam protesto na porta da Uerj (Universidade do Estado do Rio de Janeiro) na manhã desta terça-feira. Segundo a reitoria da Uerj, "o protesto acontece em defesa da sobrevivência da instituição, que vem sendo sucateada em função da ausência de repasses de verbas por parte do governo estadual" Jose Lucena/Futurapress/Estadão Conteúdo Mais

24.jan.2017 - Cruzes formam um corredor na entrada do portão 1 da Uerj (Universidade do Estado do Rio de Janeiro) durante protesto de alunos e servidores na manhã desta terça. Com a falta de repasses do Estado para a instituição, a Uerj acumula dívidas da ordem de R$ 360 milhões, relativas ao custeio e pagamento a fornecedores, bolsistas e servidores Jose Lucena/Futura Press/Estadão Conteúdo Mais

24.jan.2017 - Cartazes foram colocados em torno de toda a universidade durante protesto de alunos e servidores da Uerj (Universidade do Estado do Rio de Janeiro) nesta terça. Devido à crise no Estado do Rio de Janeiro e à falta de repasses para a instituição, o início das aulas na Uerj foi adiado duas vezes --primeiro para o dia 23 de janeiro e, depois, para o dia 30 Jose Lucena/Futura Press/Estadão Conteúdo Mais

24.jan.2017 - Servidores e alunos realizam protesto em defesa da Uerj (Universidade do Estado do Rio de Janeiro) na manhã desta terça. Em uma carta aberta à comunidade, o reitor da Uerj afirmou que a instituição "está sendo sucateada, numa absoluta falta de visão estratégica por parte dos governantes do nosso Estado, a quem incumbe o financiamento de uma universidade pública e inclusiva como a nossa" Jose Lucena/Futura Press/Estadão Conteúdo Mais

24.jan.2017 - Inscrição SOS em uma quadra no campus da Uerj (Universidade do Estado do Rio de Janeiro), no Maracanã, zona norte do Rio, pede socorro à instituição, que sofre com falta de recursos. Além da incerteza quanto às aulas, que já foram adiadas duas vezes, a universidade enfrenta outros problemas: os professores deflagraram estado de greve e o restaurante da instituição não funciona por falta de pagamento do Estado à empresa que fornece os alimentos Carlos Eduardo Cardoso/Agência O Dia/Estadão Conteúdo Mais

24.jan.2017 - Inscrição SOS aparece em anfiteatro da Uerj (Universidade do Estado do Rio de Janeiro), no Maracanã, zona norte do Rio, como pedido de socorro à instituição. Em nota assinada pela reitora e por outros 51 componentes da direção, a Uerj afirma que a falta de verbas de manutenção e custeio da instituição "impede as condições plenas de funcionarmos com higiene e segurança, expondo toda a comunidade uerjiana a situações de grande risco" Carlos Eduardo Cardoso/Agência O Dia/Estadão Conteúdo Mais

Alunos e servidores fazem protesto em defesa da Uerj

Últimos álbuns de Educação

UOL Cursos Online

Todos os cursos