Topo

Pesquisa escolar


25 de janeiro de 1554 - Jesuítas fundam o colégio que deu origem à cidade de São Paulo

Da Página 3 Pedagogia & Comunicação

Em 25 de janeiro de 1554, por ordem do padre Manuel da Nóbrega, superior da Companhia de Jesus no Brasil, um grupo de 12 jesuítas (entre os quais o então noviço José de Anchieta) ergueu um barracão no alto de uma colina entre os rios Anhangabaú e Tamanduateí.

Ali, num local estratégico dos campos de Piratininga, pretendiam converter ao cristianismo os índios que habitavam a região. Estava fundado o Colégio de São Paulo que originou a cidade de mesmo nome - hoje a maior metrópole da América do Sul.

Aos poucos, ao redor do colégio, formou-se um povoado de índios cristianizados, elevado à categoria de vila em 1557. A região tornou-se uma espécie de ponto de partida para os portugueses que - depois de subir a serra do Mar, vindos das vilas de São Vicente ou de Santos - pretendiam desbravar o sertão brasileiro em busca de ouro e de pedras preciosas. Quem procura acha e, de fato, as expedições partidas de São Paulo - as Bandeiras - acabaram encontrando ouro na região que ficou conhecida como Minas Gerais, mas só no século 18.

São Paulo ganhou a condição de cidade em 1711, mas, a partir daí, estagnou-se, enquanto se desenvolviam as cidades mineiras de Vila Rica, Sabará e São João Del Rey. Somente no século 19, mais precisamente em 1828, quando foi inaugurada a Faculdade de Direito, a cidade voltou a adquirir importância nacional, processo que iria se acelerar no final do mesmo século e no começo do seguinte, com o desenvolvimento da cultura do café e da industrialização, respectivamente.

A palhoça que foi o primeiro colégio, obviamente, não existe mais. A construção que se acha em seu local, passou por várias reformas, demolições e reconstruções, tendo até sediado o governo do Estado de São Paulo, entre fins do século XVIII e o início do XIX.Mas uma parede de taipa da construção que a substituiu, datada do século XVII, resistiu ao tempo e lá está, exposta à visitação pois o prédio transformou-se num museu. Atualmente, o local se chama Praça do Pátio do Colégio e merece ser conhecido por todos os brasileiros, havendo possibilidade.

Mais Pesquisa escolar