Enem

Universidade Federal do Ceará foi a mais procurada no Sisu 2013

Do UOL, em São Paulo

O ministro da Educação Aloísio Mercadante anunciou na tarde desta segunda-feira (14) o balanço dos resultados do Sisu (Sistema de Seleção Unificada), que seleciona candidatos a vagas em instituições públicas de ensino superior. Dentre as 101 instituições que aderiram ao sistema neste ano, a mais procurada foi a UFC (Universidade Federal do Ceará), que teve 133.923 candidatos para 6.258 vagas. 

O segundo instituto mais concorrido no Sisu foi a UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro), que teve 115.794 inscritos para disputar 4.745 vagas em cursos de graduação. Na sequência veio a UFF (Universidade Federal Fluminense), com 96.247 candidatos disputando as 4.789 vagas oferecidas. 

Veja as 10 instituições mais procuradas no Sisu 2013

Instituição Nº de inscritos Vagas
UFC (Universidade Federal do Ceará) 133.923 6.258
UFRJ (Universidade Federal do Rio de Janeiro) 115.794 4.745
UFF (Universidade Federal Fluminense) 96.247 4.789
UFRPE (Universidade Federal Rural de Pernambuco) 79.675 3.240
UFAL (Universidade Federal de Alagoas) 79.344 5.168
UESPI (Universidade Estadual do Piauí) 73.564 4.350
UFSCar (Universidade Federal de São Carlos) 72.560 2.553
Universidade Tecnológica Federal do Paraná 70.804 3.550
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de São Paulo 70.541 2.600
UFMT (Universidade Federal de Mato Grosso) 65.780 5.123

Dentre os cursos, o mais procurado foi o de gestão pública do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Brasília, que ofertou 45 vagas e teve 12.221 inscritos.

Aprovados

Hoje pela manhã, o MEC liberou a consulta dos aprovados na primeira chamada pelo site do sistema. No começo da madrugada, havia sido liberada a consulta por telefone, por meio do 0800 61 61 61, o número da Central de Atendimento do MEC. O candidato precisa ouvir a gravação telefônica e depois selecionar as opções "3", em seguida "3", e depois "1". Só são aceitas ligações feitas a partir de telefones fixos.

Foram colocadas em disputa no sistema 129.319 vagas em 3.752 cursos de 101 instituições de ensino superior – entre elas a maioria das universidades federais. Os estudantes selecionados deverão realizar a matrícula na própria faculdade nos dias 18, 21 e 22 de janeiro.

Quem não foi classificado em nenhuma das duas opções de curso escolhidas no momento da inscrição deve aguardar a segunda chamada, programada para o dia 28 de janeiro, com matrículas nos dias 1º, 4 e 5 de fevereiro.

Os candidatos aprovados para sua segunda opção de curso, mesmo que cheguem a realizar matrícula, continuam concorrendo à vaga apontada como a primeira escolha. Ou seja, se houver desistência de um candidato mais bem pontuado, o estudante poderá optar pelo curso preferido, o que implica no cancelamento da primeira matrícula.

Após a segunda chamada, as vagas remanescentes ficarão disponíveis em uma lista de espera, para a qual o estudante deverá pedir adesão no site do Sisu entre 28 de janeiro e 8 de fevereiro. O candidato só pode manifestar interesse na lista de espera para a vaga escolhida como primeira opção. Isso vale mesmo para estudantes que já tenham efetuado matrícula no segundo curso escolhido.

Batalha de liminares

A divulgação dos resultados do Sisu só foi possível após o MEC enfrentar uma nova batalha judicial com estudantes insatisfeitos com a nota recebida pela redação do Enem, e também com procuradores que questionaram o fato de o Inep (Instituto Nacional de Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira) só pretender liberar vistas dos textos no dia 6 de fevereiro, quase um mês depois do Sisu, e sem permitir a interposição de recursos.

Duas liminares concedidas a estudantes gaúchos por um juiz federal de Bagé (RS) na quarta-feira (9) chegaram a suspender o fim do prazo de inscrições e a divulgação dos resultados do Sisu. No entanto, enquanto o MEC recorria das decisões, o sistema foi mantido no ar e os prazos confirmados.

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos