Informações sobre o álbums
  • editoria:Fotos
  • galeria: Docentes em greve no RJ fazem manifestação após proposta do governo
  • link: http://educacao.uol.com.br/album/0308_protestorio_album.htm
  • totalImagens: 29
  • fotoInicial: 20
  • imagePath: http://ed.i.uol.com.br/album/
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20120126090901
    • Rio de Janeiro [5105];
    • greve de professores [29344];
Fotos
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro, em greve desde o dia 7 de junho, fazem nesta quarta-feira (3) um novo protesto na capital fluminense. Eles se reuniram no final desta manhã em assembleia na Fundição Progresso, Lapa, para decidir os rumos da paralisação. Os docentes reivindicam um reajuste emergencial de 26%. O Governo do Estado encaminhou na segunda-feira (1º) para a Alerj (Assembleia Legislativa do Estado) um projeto de lei com um reajuste salarial de 3,5% Helio Motta/UOL Mais
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro, em greve desde o dia 7 de junho, fazem nesta quarta-feira (3) um novo protesto na capital fluminense. Eles se reuniram no final desta manhã em assembleia na Fundição Progresso, Lapa, para decidir os rumos da paralisação. Os docentes reivindicam um reajuste emergencial de 26%. O Governo do Estado encaminhou na segunda-feira (1º) para a Alerj (Assembleia Legislativa do Estado) um projeto de lei com um reajuste salarial de 3,5% Helio Motta/UOL Mais
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro, em greve desde o dia 7 de junho, fazem nesta quarta-feira (3) um novo protesto na capital fluminense. Eles se reuniram no final desta manhã em assembleia na Fundição Progresso, Lapa, para decidir os rumos da paralisação. Os docentes reivindicam um reajuste emergencial de 26%. O Governo do Estado encaminhou na segunda-feira (1º) para a Alerj (Assembleia Legislativa do Estado) um projeto de lei com um reajuste salarial de 3,5% Helio Motta/UOL Mais
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro, em greve desde o dia 7 de junho, fazem nesta quarta-feira (3) um novo protesto na capital fluminense. Eles se reuniram no final desta manhã em assembleia na Fundição Progresso, Lapa, para decidir os rumos da paralisação. Os docentes reivindicam um reajuste emergencial de 26%. O Governo do Estado encaminhou na segunda-feira (1º) para a Alerj (Assembleia Legislativa do Estado) um projeto de lei com um reajuste salarial de 3,5% Helio Motta/UOL Mais
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro, em greve desde o dia 7 de junho, fazem nesta quarta-feira (3) um novo protesto na capital fluminense. Eles se reuniram no final desta manhã em assembleia na Fundição Progresso, Lapa, para decidir os rumos da paralisação. Os docentes reivindicam um reajuste emergencial de 26%. O Governo do Estado encaminhou na segunda-feira (1º) para a Alerj (Assembleia Legislativa do Estado) um projeto de lei com um reajuste salarial de 3,5% Helio Motta/UOL Mais
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro, em greve desde o dia 7 de junho, fazem nesta quarta-feira (3) um novo protesto na capital fluminense. Eles se reuniram no final desta manhã em assembleia na Fundição Progresso, Lapa, para decidir os rumos da paralisação. Os docentes reivindicam um reajuste emergencial de 26%. O Governo do Estado encaminhou na segunda-feira (1º) para a Alerj (Assembleia Legislativa do Estado) um projeto de lei com um reajuste salarial de 3,5% Helio Motta/UOL Mais
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro, em greve desde o dia 7 de junho, fazem nesta quarta-feira (3) um novo protesto na capital fluminense. Eles se reuniram no final desta manhã em assembleia na Fundição Progresso, Lapa, para decidir os rumos da paralisação. Os docentes reivindicam um reajuste emergencial de 26%. O Governo do Estado encaminhou na segunda-feira (1º) para a Alerj (Assembleia Legislativa do Estado) um projeto de lei com um reajuste salarial de 3,5% Helio Motta/UOL Mais
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro, em greve desde o dia 7 de junho, fazem nesta quarta-feira (3) um novo protesto na capital fluminense. Eles se reuniram no final desta manhã em assembleia na Fundição Progresso, Lapa, para decidir os rumos da paralisação Helio Motta/UOL Mais
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro, em greve desde o dia 7 de junho, fazem nesta quarta-feira (3) um novo protesto na capital fluminense. Eles se reuniram no final desta manhã em assembleia na Fundição Progresso, Lapa, para decidir os rumos da paralisação. Na foto, Sergio Paulo, coordenador do Sepe-RJ (Sindicato Estadual dos Profissionais de Educação do Rio de Janeiro) Helio Motta/UOL Mais
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro, em greve desde o dia 7 de junho, fazem nesta quarta-feira (3) um novo protesto na capital fluminense. Eles se reuniram no final desta manhã em assembleia na Fundição Progresso, Lapa, para decidir os rumos da paralisação. Os docentes reivindicam um reajuste emergencial de 26%. O Governo do Estado encaminhou na segunda-feira (1º) para a Alerj (Assembleia Legislativa do Estado) um projeto de lei com um reajuste salarial de 3,5% Helio Motta/UOL Mais
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro, em greve desde o dia 7 de junho, fazem nesta quarta-feira (3) um novo protesto na capital fluminense. Eles se reuniram no final desta manhã em assembleia na Fundição Progresso, Lapa, para decidir os rumos da paralisação. Os docentes reivindicam um reajuste emergencial de 26%. O Governo do Estado encaminhou na segunda-feira (1º) para a Alerj (Assembleia Legislativa do Estado) um projeto de lei com um reajuste salarial de 3,5% Helio Motta/UOL Mais
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro, em greve desde o dia 7 de junho, fazem nesta quarta-feira (3) um novo protesto na capital fluminense. Eles se reuniram no final desta manhã em assembleia na Fundição Progresso, Lapa, para decidir os rumos da paralisação. Os docentes reivindicam um reajuste emergencial de 26%. O Governo do Estado encaminhou na segunda-feira (1º) para a Alerj (Assembleia Legislativa do Estado) um projeto de lei com um reajuste salarial de 3,5% Helio Motta/UOL Mais
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro, em greve desde o dia 7 de junho, fazem nesta quarta-feira (3) um novo protesto na capital fluminense. Eles se reuniram no final desta manhã em assembleia na Fundição Progresso, Lapa, para decidir os rumos da paralisação. Os docentes reivindicam um reajuste emergencial de 26%. O Governo do Estado encaminhou na segunda-feira (1º) para a Alerj (Assembleia Legislativa do Estado) um projeto de lei com um reajuste salarial de 3,5% Helio Motta/UOL Mais
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro, em greve desde o dia 7 de junho, fazem nesta quarta-feira (3) um novo protesto na capital fluminense. Eles se reuniram no final desta manhã em assembleia na Fundição Progresso, Lapa, para decidir os rumos da paralisação. Os docentes reivindicam um reajuste emergencial de 26%. O Governo do Estado encaminhou na segunda-feira (1º) para a Alerj (Assembleia Legislativa do Estado) um projeto de lei com um reajuste salarial de 3,5% Helio Motta/UOL Mais
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro, em greve desde o dia 7 de junho, fazem nesta quarta-feira (3) um novo protesto na capital fluminense. Eles se reuniram no final desta manhã em assembleia na Fundição Progresso, Lapa, para decidir os rumos da paralisação. Os docentes reivindicam um reajuste emergencial de 26%. O Governo do Estado encaminhou na segunda-feira (1º) para a Alerj (Assembleia Legislativa do Estado) um projeto de lei com um reajuste salarial de 3,5% Helio Motta/UOL Mais
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro decidiram manter a greve em assembleia realizada nesta quarta-feira (3). Os docentes estão em greve desde 7 de junho. A próxima assembleia está marcada para o dia 9 de agosto Helio Motta/UOL Mais
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro decidiram manter a greve em assembleia realizada nesta quarta-feira (3). Os docentes estão em greve desde 7 de junho. A próxima assembleia está marcada para o dia 9 de agosto Helio Motta/UOL Mais
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro decidiram manter a greve em assembleia realizada nesta quarta-feira (3). Os docentes estão em greve desde 7 de junho. A próxima assembleia está marcada para o dia 9 de agosto Helio Motta/UOL Mais
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro decidiram manter a greve em assembleia realizada nesta quarta-feira (3). Os docentes estão em greve desde 7 de junho. A próxima assembleia está marcada para o dia 9 de agosto Helio Motta/UOL Mais
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro decidiram manter a greve em assembleia realizada nesta quarta-feira (3). Os docentes estão em greve desde 7 de junho. A próxima assembleia está marcada para o dia 9 de agosto Helio Motta/UOL Mais
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro decidiram manter a greve em assembleia realizada nesta quarta-feira (3). Os docentes estão em greve desde 7 de junho. A próxima assembleia está marcada para o dia 9 de agosto Helio Motta/UOL Mais
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro decidiram manter a greve em assembleia realizada nesta quarta-feira (3). Os docentes estão em greve desde 7 de junho. A próxima assembleia está marcada para o dia 9 de agosto Helio Motta/UOL Mais
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro decidiram manter a greve em assembleia realizada nesta quarta-feira (3). Eles se reuniram no final desta manhã na Fundição Progresso, Lapa, e seguiram em passeata para as escadarias da Alerj (Assembleia Legislativa do Estado) Helio Motta/UOL Mais
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro decidiram manter a greve em assembleia realizada nesta quarta-feira (3). Eles se reuniram no final desta manhã na Fundição Progresso, Lapa, e seguiram em passeata para as escadarias da Alerj (Assembleia Legislativa do Estado) Helio Motta/UOL Mais
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro decidiram manter a greve em assembleia realizada nesta quarta-feira (3). Eles se reuniram no final desta manhã na Fundição Progresso, Lapa, e seguiram em passeata para as escadarias da Alerj (Assembleia Legislativa do Estado) Helio Motta/UOL Mais
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro decidiram manter a greve em assembleia realizada nesta quarta-feira (3). Eles se reuniram no final desta manhã na Fundição Progresso, Lapa, e seguiram em passeata para as escadarias da Alerj (Assembleia Legislativa do Estado) Helio Motta/UOL Mais
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro decidiram manter a greve em assembleia realizada nesta quarta-feira (3). Eles se reuniram no final desta manhã na Fundição Progresso, Lapa, e seguiram em passeata para as escadarias da Alerj (Assembleia Legislativa do Estado) Helio Motta/UOL Mais
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro decidiram manter a greve em assembleia realizada nesta quarta-feira (3). Eles se reuniram no final desta manhã na Fundição Progresso, Lapa, e seguiram em passeata para as escadarias da Alerj (Assembleia Legislativa do Estado) Helio Motta/UOL Mais
Os professores da rede estadual do Rio de Janeiro decidiram manter a greve em assembleia realizada nesta quarta-feira (3). Eles se reuniram no final desta manhã na Fundição Progresso, Lapa, e seguiram em passeata para as escadarias da Alerj (Assembleia Legislativa do Estado) Helio Motta/UOL Mais

Docentes em greve no RJ fazem manifestação após proposta do governo

Mais álbuns de UOL Educação x

Veja mais:

Últimos álbuns de Educação

UOL Cursos Online

Todos os cursos