Informações sobre o álbums
  • editoria:
  • galeria:
  • link: http://educacao.uol.com.br/album/2016/09/02/momento-nostalgia-relembre-brincadeiras-do-tempo-da-escola.htm
  • totalImagens: 14
  • fotoInicial: 1
  • imagePath:
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20160902060000
    • Educação [16614]; Escola [13327];
Fotos

Você era do tempo em que se jogava pião? E a cama de gato, então, que fazia um verdadeiro nó na cabeça? Nessa galeria, lembramos algumas das principais brincadeiras que faziam a cabeça da garotada na hora do recreio. Afinal, recordar é viver! Reprodução/Instagram Mais

Quem nunca pediu para os pais comprarem um pacote de salgadinhos só para ganhar mais um tazo? Os redondinhos faziam o maior sucesso na hora do recreio, e ter vários de cada tipo era pura ostentação! Reprodução/Twitter Mais

Os ioiôs da Coca-Cola foram a maior febre. Existiam vários modelos e cores, e a criançada queria mesmo era colecionar todos (além de arriscar uma manobra ou outra com o brinquedo, claro). Reprodução Mais

Se você chegou a usar um orelhão de ficha, provavelmente foi para passar trote em alguém, não foi? Também tinha quem tentasse pegar as fichas que ficavam dentro do aparelho dando algumas porradas nele. Não foi à toa que logo esse sistema foi substituído pelos cartões de telefone - que eram legais de colecionar, mas que não eram assim tão legais quanto as fichas. Reprodução/Twitter Mais

Mais conhecido como "bichinho virtual", o Tamagotchi era outro grande sucesso nas escolas. Quem nunca correu aquele perigo de ser pego pelo professor enquanto dava comidinha, banho e até carinho para a criatura não morrer? Reprodução Mais

Qualquer fio ou barbante que estivesse ao redor era suficiente para que começasse a aventura da cama de gato. Quem conhecia mais jogadas, que formavam desenhos diferentes com o barbante, era o verdadeiro rei da brincadeira. Reprodução/Twitter Mais

Não dá para negar: era a maior sensação ler as respostas dos amigos no caderno de confidências. Algumas perguntas não faziam o menor sentido, e as respostas eram mais malucas ainda. Bons tempos! Reprodução/Twitter Mais

Lembra do pirocóptero? A criançada queria comprar caixas e mais caixas do pirulito para colecionar as diferentes cores. A sensação do recreio era fazer o palitinho voar o mais alto possível. Divulgação Mais

A diversão máxima de muita gente era passar horas pulando elástico. Dava até para improvisar o treino sozinho, usando duas cadeiras como suporte. A tarefa praticamente impossível era dominar o nível mais difícil, quando o elástico ficava na altura dos ombros ou do pescoço. Reprodução/Twitter Mais

Quem não se lembra da alegria que era ir até a banca de revistas só para comprar um pacote de figurinhas? Para muita gente, as que vinham repetidas no envelope tinham um destino certo: o jogo de bafo. As disputas eram acirradíssimas! Reprodução/Twitter Mais

Outra coleção indispensável era a de cartas do Super Trunfo. O jogo podia ser de vários temas, incluindo caminhões, carros e até animais. Quem decorava as cartas é que se dava bem nessa, já que as partidas eram disputadas entre as categorias de cada carta. Reprodução/Twitter Mais

Com incontáveis acessórios, o "pião moderno" virou logo a maior febre nas escolas. As pistas, as pontas de metal e os lançadores deixavam as batalhas de beyblade ainda mais emocionantes. Reprodução/Twitter Mais

O pião de madeira não era um brinquedo nem um pouco fácil - era preciso conhecer o jeito certo de enrolar a corda ao redor dele, aprender as melhores táticas de lançamento e ainda treinar muito cada uma delas. Mesmo assim, nada disso impedia a criançada de dominar os truques e de fazer as batalhas de pião mais incríveis. Marcos Santos/USP Imagens Mais

Mini-game com 1.000 jogos! Será que alguém zerou todos eles??? Algumas escolas até permitiam que as crianças usassem o brinquedo durante o recreio. Mas era SÓ durante o horário do lanche. (Ainda bem! Imagine a dispersão se pudesse brincar na sala de aula rs). Reprodução/Facebook Mais

Momento nostalgia: relembre brincadeiras do tempo da escola

Últimos álbuns de Educação

UOL Cursos Online

Todos os cursos