Informações sobre o álbums
  • editoria:Fotos
  • galeria: UOL acompanha o dia de um estudante carente da USP; veja fotos
  • link: http://educacao.uol.com.br/album/album-dia_dia_enedino_album.htm
  • totalImagens: 26
  • fotoInicial: 1
  • imagePath: http://ed.i.uol.com.br/album/
  • baixaResolucao: 0
  • ordem: ASC
  • legendaPos:
  • timestamp: 20120126090957
Fotos
5h50
O sol ainda nem nasceu e Enedino Neres da Cruz Júnior, 19, já está pronto para mais um dia. Sai de casa, no jardim São Luís, zona sul de São Paulo, às 5h50 da manhã, para só voltar depois das 22h. O destino é a USP (Universidade de São Paulo). Júnior está no primeiro semestre do curso de contabilidade, na FEA (Faculdade de Economia e Administração) Fotos: Aline Arruda/UOL - Texto: Suellen Smosinski Mais
6h
Júnior mora com a mãe, que é empregada doméstica, em um apartamento da CDHU (Companhia de Desenvolvimento Habitacional e Urbano). Para sair do conjunto de prédios e chegar até o ponto de ônibus, ele enfrenta uma espécie de trilha, sem nenhuma iluminação, com muito barro e mato. Passa por ela tranquilamente, pois ''já está acostumado'' Fotos: Aline Arruda/Texto: Suellen Smosinski Mais
6h05
Para chegar até a USP, o estudante utiliza três ônibus: um até o terminal João Dias (zona sul de SP)... Fotos: Aline Arruda/UOL - Texto: Suellen Smosinski Mais
6h30
...outro até a região da Cidade Jardim (zona oeste)... Fotos: Aline Arruda/UOL - Texto: Suellen Smosinski Mais
7h
...e o último até a universidade, também na zona oeste. Se não fosse o bilhete único de estudante, que permite integrações gratuitas ou com custo menor, ele gastaria R$ 9 reais somente no trajeto de ida; com o bilhete, a viagem sai por R$ 1,50. Mesmo assim, no final do mês, o gasto com condução pesa bastante no orçamento apertado do aluno Fotos: Aline Arruda/UOL - Texto: Suellen Smosinski Mais
7h20
Com o dia já claro, Júnior chega à FEA. Ele sempre estudou em escola pública, não fez um cursinho ''top'' e conseguiu ser aprovado nos vestibulares das três universidades estaduais de São Paulo: USP, Unesp (Universidade Estadual Paulista) e Unicamp (Universidade Estadual de Campinas) Fotos: Aline Arruda/UOL - Texto: Suellen Smosinski Mais
7h30
''No último ano do ensino médio, eu trabalhava de manhã, fazia cursinho a tarde e a escola a noite. Não dava pra me dedicar direito. Cheguei na minha mãe e falei que com o dinheiro que tinha juntado conseguia me manter só no cursinho, pagar passagem e alimentação, ela teria que assumir sozinha o restante das despesas''. No começo, a mãe não ficou muito feliz com a ideia. Precisava do filho para ajudar no sustento da casa, mas acabou cedendo Fotos: Aline Arruda/UOL - Texto: Suellen Smosinski Mais
9h20
Além da condução, outra fonte de gastos na faculdade são as cópias. Segundo Júnior, os professores pedem muitas leituras que são necessárias para acompanhar as aulas. ''Desde o começo do ano, já foram 200 páginas só para a disciplina de economia''. No dia que acompanhamos o estudante, ele foi três vezes à fotocopiadora Fotos: Aline Arruda/UOL - Texto: Suellen Smosinski Mais
9h30
As aulas do curso de contabilidade são no período da manhã: das 7h30 às 9h10 e das 9h30 às 11h. Mas não acaba por aqui - Júnior tem uma tarde cheia de atividades na USP Fotos: Aline Arruda/UOL - Texto: Suellen Smosinski Mais
11h45
Pausa para o almoço no famoso ''bandejão''. A comida do local custa R$ 1,90. Como Júnior recebe um auxílio da faculdade, ele não tem esse gasto Fotos: Aline Arruda/UOL - Texto: Suellen Smosinski Mais
11h50
Esse é o kit almoço do estudante bolsista, com direito a caneca para o ''open suco'' (suco de graça, com direito a repetição). Júnior conseguiu um auxílio emergencial da USP no valor de R$ 300 por mês, além dos tickets de alimentação popular (R$ 1,90 cada). O resultado do benefício permanente sairia no dia da visita da nossa reportagem e o estudante não disfarçava a apreensão. "Já falei para a assistente social que se não conseguir a bolsa, vou infernizar a vida deles. Não tem como me manter no curso sem esse dinheiro" Fotos: Aline Arruda/UOL - Texto: Suellen Smosinski Mais
12h15
Depois do almoço, Júnior é voluntário na monitoria do cursinho da FEA, do qual era aluno. ''Tenho uma dívida de gratidão com eles. Ser plantonista é uma forma de fazer pelos outros o que fizeram por mim'' Fotos: Aline Arruda/UOL - Texto: Suellen Smosinski Mais
12h30
O estudante fala com orgulho do trabalho desenvolvido no cursinho: ''Conseguimos nossa primeira aprovação na Poli [Escola Politécnica da USP] em 2011 e temos muitas aprovações em relações internacionais também. São duas carreiras muito concorridas'' Fotos: Aline Arruda/UOL - Texto: Suellen Smosinski Mais
13h
Júnior também faz aulas de inglês duas vezes por semana, na Faculdade de Educação. Não paga nada pelo curso, porque foi sorteado. Teve somente o gasto com a apostila Fotos: Aline Arruda/UOL - Texto: Suellen Smosinski Mais
14h
E do prédio da Educação, Júnior passa na Coseas para ver o resultado da bolsa definitiva (que ainda não saiu) e depois volta para a FEA. O estudante anda muito pela USP, mas não aparenta nenhum cansaço, diferente da equipe de reportagem que suou para acompanhá-lo e amanheceu com dor nas pernas no outro dia Fotos: Aline Arruda/UOL - Texto: Suellen Smosinski Mais
15h30
No período da tarde, Júnior ajuda na parte administrativa do cursinho. É lá, também, que ele tem a oportunidade de conversar com veteranos do curso e pegar alguns livros emprestados Fotos: Aline Arruda/UOL - Texto: Suellen Smosinski Mais
16h
''Os professores pedem para comprar um tanto assim de livros. Eu ainda não comprei nenhum'' Fotos: Aline Arruda/UOL - Texto: Suellen Smosinski Mais
16h15
Um dos livros que ele pegou emprestado com outro voluntário do cursinho Fotos: Aline Arruda/UOL - Texto: Suellen Smosinski Mais
17h50
Tomar café? Só se for de graça! O estudante pegou um cafezinho na Coseas, onde foi mais uma vez para saber se tinha conseguido a bolsa definitiva. Informaram que a resposta só sairia no próximo dia. A alternativa encontrada por ele no caso da negação da bolsa seria tentar um trabalho na biblioteca ou algum outro lugar dentro da USP Fotos: Aline Arruda/UOL - Texto: Suellen Smosinski Mais
18h
Depois de encerrar o expediente no cursinho, é a vez de estudar mais um pouco. Geralmente, o aluno janta no ''bandejão'' e depois vai para o IME (Instituto de Matemática e Estatística) Fotos: Aline Arruda/UOL - Texto: Suellen Smosinski Mais
18h20
No dia em que o acompanhamos, ele decidiu passar na biblioteca da ECA (Escola de Comunicação e Artes da USP) - menos chique do que a livraria da foto, que ele só vê pelo vidro. "Vou ler um pouco de jornal e pegar algum livro'' Fotos: Aline Arruda/UOL - Texto: Suellen Smosinski Mais
19h50
Para variar um pouco, convidamos Júnior para comer no restaurante da FEA, uns dos mais caros da USP. Apesar do aluno estudar ao lado do local, nunca havia entrado lá. Comida variada e nenhuma fila, diferente da hora do almoço. O valor do quilo é R$ 27,56. O prato dele saiu por R$ 17,50. Com esse valor, o estudante conseguiria comer nove vezes no ''bandejão'' Fotos: Aline Arruda/UOL - Texto: Suellen Smosinski Mais
20h40
A volta para casa custa mais R$ 1,50 e leva um pouco mais de uma hora, nos mesmos três ônibus da manhã Fotos: Aline Arruda/UOL - Texto: Suellen Smosinski Mais
20h45
Na hora de ir embora, decidimos ver quanto tempo demoraria para ele chegar em casa de carro, como a maioria dos alunos da FEA, e quanto gastaria para isso. Saímos da USP às 20h45. Às 21h10 já estávamos de volta ao jardim São Luís Fotos: Aline Arruda/UOL - Texto: Suellen Smosinski Mais
21h08
''É até falta de respeito chegar tão rápido assim'', brinca Júnior. O valor da corrida? R$ 61,70. Dá para pagar 41 conduções com o bilhete único de estudante e ter direito a integração com outras linhas Fotos: Aline Arruda/UOL - Texto: Suellen Smosinski Mais
21h15
Ficamos sabendo do resultado da bolsa no dia seguinte da nossa visita. Bem feliz, o estudante informou que havia conseguido o benefício definitivo. ''Pobre louco'', como ele se identificou brincando na mensagem que mandou para a redação, faz esses R$ 300 reais durarem o mês inteiro e banca as despesas básicas de se cursar uma universidade pública em São Paulo Fotos: Aline Arruda/UOL - Texto: Suellen Smosinski Mais

UOL acompanha o dia de um estudante carente da USP; veja fotos

Mais álbuns de UOL Educação x

Veja mais:

Últimos álbuns de Educação

UOL Cursos Online

Todos os cursos