PUBLICIDADE
Topo

Geografia

Sistema solar - Marte - O planeta vermelho

Da Página 3 Pedagogia & Comunicação

(Atualizado em 11/12/2013, às 11h51)

A superfície de Marte foi mapeada através de fotos realizadas pela sonda Mariner 9, em 1971. As calotas polares do planeta apresentam variações nítidas e periódicas. Nos invernos de cada hemisfério, a camada de gelo torna-se muito extensa, podendo atingir o meio do caminho entre o pólo e o equador. Há um número elevado de crateras que surgiram do impacto de meteoritos.

No ponto de maior brilho da superfície, detectou-se a presença de um vulcão extinto com 25 km de altura e 500 km de diâmetro na base (Monte Olimpo). Há outros três vulcões com mais de 20 km de altitude. A superfície de Marte é composta principalmente de óxidos de ferro, o que dá ao planeta a sua cor característica: ocre-alaranjado.

Acredita-se que exista água no planeta - e em quantidades muito maiores do que as previstas. As experiências realizadas pelas sondas Viking 1 e 2, enviadas em 1975 para fazer experiências no solo e na atmosfera, não forneceram nenhum resultado conclusivo sobre a existência de bactérias.

Distância média do Sol:227.940.000 km
Rotação:24,6 horas
Translação:687 dias
Diâmetro:6.794 km
Massa:6,421 x 1023 kg
Temperatura média nerfíciea sup:-63oC
Pressão atmosférica:0,007 bar
Luas:duas
Composição básica da atmosfera:dióxido de carbono, nitrogênio e oxigênio
 

Geografia