PUBLICIDADE
Topo

EUA: Alunos fazem abaixo-assinado pedindo volta de professora que posou nua

O ensaio foi feito três anos atrás, mas as fotos ainda estão disponíveis na internet  - Reprodução/www.playboy.com
O ensaio foi feito três anos atrás, mas as fotos ainda estão disponíveis na internet Imagem: Reprodução/www.playboy.com

Do UOL, em São Paulo

17/10/2013 14h42

Estudantes da professora Cristy Nicole Deweese, que vem enfrentando críticas da comunidade escolar após a descoberta de fotos nuas tiradas para a revista "Playboy", estão se mobilizando para que ela retorne as aulas. 

Segundo o site "Dallas Observer",  a professora foi demitida na última semana da Townview Magnet High School, em Dallas (Texas, EUA). 

  • Reprodução/FacebookAbaixo-assinado organizado pelos alunos

Em sua página do Twitter, Cristy, 21, está recebendo várias mensagens de apoio. “Sentimos tanta falta de você e queremos você de volta. Você é minha professora favorita, sem brincadeira”, diz uma das alunas. 

Os estudantes da escola organizaram um abaixo-assinado e já conseguiram mais de 300 assinaturas.

“Você é a melhor professora de espanhol que ela já teve. Se você precisar de apoio pode contar comigo e com minha filha também”, escreveu o pai de uma aluna.

Uma página criada na rede social Facebook também em apoio soma 2.104 participantes e pede que todos enviem mensagens para a escola em solidariedade a Cristy. 

Entenda o caso

A professora fez as fotos quando tinha 18 anos -- entre as imagens estariam cenas de nu frontal e uma simulação de sexo lésbico. A polêmica começou quando alunos da escola descobriram as fotos, que ainda estão disponíveis na internet.

Pais ouvidos pela reportagem do jornal "Dallas Morning News" questionaram se os adolescentes que viram as fotos vão conseguir olhar para a professora sem imaginá-la nua e se as meninas podem respeitar um educador que aparece em fotos desse tipo.

O distrito escolar de Dallas informou que quando a professora tirou as fotos ela não era empregada da escola e não quis comentar o assunto por se tratar de uma questão pessoal da docente.