Topo

Paris é eleita pela terceira vez a melhor cidade do mundo para estudar

Do UOL, em São Paulo

25/11/2014 15h46Atualizada em 25/11/2014 16h12

Paris, Melbourne e Londres são as três melhores cidades para estudar em todo o mundo, de acordo com ranking divulgado hoje (25) pelo instituto britânico QS, especializado em análise de universidades.

A capital francesa contabilizou 412 pontos e lidera pelo terceiro ano consecutivo a lista dos 50 melhores lugares para estudar. Melbourne (Austrália), que ficou no 5º lugar na edição do ano passado, superou Londres e ocupa agora a segunda colocação, com 397. A cidade inglesa (392 pontos) está na terceira posição no levantamento.

Para fazer o ranking, foram levados em conta critérios como a classificação de universidades, a composição da população estudantil, a qualidade de vida, a empregabilidade e o custo de vida. O ranking é realizado todos os anos.

$escape.getH()uolbr_geraModulos('embed-lista','/2014/melhores-cidades-do-mundo-para-estudar-1416937869693.vm')

Entre as 50 cidades listadas, nenhuma é brasileira. Em 2012, São Paulo aparecia em 45º lugar no ranking. Neste ano, a primeira cidade da América do Sul escolhida como uma das melhores para estudar foi Buenos Aires (Argentina), que ocupa a 24ª posição. Santiago, no Chile, aparece em 44º. 

A Europa teve 20 cidades classificadas, a América do Norte 12, a Ásia nove e a Oceania sete.

De acordo com o QS, dois pré-requisitos foram estabelecidos para a identificação das cidades avaliadas: a população da cidade deve ser de mais de 250.000 habitantes e a cidade deve abrigar, no mínimo, duas instituições classificadas pelo QS. Desta vez, 116 cidades no mundo se qualificaram e 50 foram classificadas.

Nesta edição, o número de critérios aumentou de 14 para 18 , adicionando métricas de segurança e poluição, bem como o "Índice de Percepção de Corrupção da Transparência Internacional" (Transparency International's Corruption Perception Index) e o "Índice de Progresso Social" (Social Progress Index).

Educação