PUBLICIDADE
Topo

Nobel da Paz, Malala tira notas altas em 'Enem' britânico e orgulha o pai

A paquistanesa Malala Yousafzai recebe o prêmio Nobel da Paz na Noruega - Matt Dunham/AP
A paquistanesa Malala Yousafzai recebe o prêmio Nobel da Paz na Noruega Imagem: Matt Dunham/AP

Do UOL, em São Paulo

21/08/2015 09h22

O pai da paquistanesa Malala Yousafzai, ganhadora do prêmio Nobel da Paz, publicou orgulhoso no Twitter nesta sexta-feira (21) os resultados da filha no GCSE --um exame para os alunos que terminam o correspondente ao ensino médio na Inglaterra.

Segundo Ziauddin Yousafzai, Malala tirou A* (nota máxima) em seis matérias e A (segunda nota mais alta) em outras quatro provas. Os resultados do exame foram divulgados na quinta-feira.

O diário britânico “The Guardian” disse que Malala recusou diversas palestras e entrevistas nos últimos tempos para se dedicar à escola.
Malala estuda na Inglaterra desde que tinha 15 anos, quando se mudou para o país após sofrer um atentado terrorista no Paquistão por defender a educação de meninas no país.

A mídia paquistanesa também divulgou elogios aos resultados da ativista que tem 18 anos. "Nada do que Malala Yousafzai alcança parece mais surpreendente, mas ela continua orgulhando o Paquistão", publicou o Expresso Tribune.

De acordo com o “The Guardian”, Malala pretende continuar os estudos no Reino Unido. "Eu quero ter uma boa formação universitária. Vários políticos têm estudado em Oxford, como Benazir [que ela afirma ser um modelo]", disse ao jornal, indicando a universidade que pretende estudar.