Estudantes do 3º ano têm nível baixo de leitura em 20 Estados

Marcelle Souza

Do UOL, em São Paulo

Mais da metade dos alunos do 3º ano do ensino fundamental de 20 Estados apresentou baixo desempenho em leitura. Os dados fazem parte da ANA 2014 (Avaliação Nacional de Alfabetização), divulgado nesta quinta-feira (17) pelo MEC (Ministério da Educação). Isso significa que esses estudantes só são capazes de ler textos muitos simples e, em alguns casos, não conseguem entender sobre o que ele trata.

Em leitura, a ANA a divide o resultado dos alunos em quatro níveis. Em 20 Estados, mais da metade das crianças ficaram nos dois níveis mais baixos. São eles: Acre, Alagoas, Amapá, Amazonas, Bahia, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul, Pará, Paraíba, Pernambuco, Piauí, Rio de Janeiro, Rio Grande do Sul, Rio Grande do Norte, Rondônia, Roraima, Sergipe e Tocantins.

Em todo o país, 56,17% dos alunos têm baixo nível de leitura.

Em apenas sete unidades da federação o desempenho em leitura foi considerado positivo, ou seja, mais da metade dos alunos conseguiu atingir os dois níveis mais altos na avaliação do MEC. São eles: Ceará, Distrito Federal, Espírito Santo, Minas Gerais, Paraná, Santa Catarina e São Paulo.

O pior desempenho em leitura foi dos alunos do Maranhão e o melhor, de Minas Gerais.

Na avaliação anterior divulgada pelo MEC, 22 Estados apresentam baixo desempenho em leitura. De 2013 para 2014, dois deles conseguiram melhorar as notas, Espírito Santo e Ceará.

Escrita

A ANA 2014 também avaliou as habilidades de escrita dos alunos do 3º ano do ensino fundamental, que foram divididas em cinco níveis de desempenho. Em nove Estados (AL, AP, AM, BA, MA, PA, PB, PI e SE) mais da metade dos alunos tirou as três piores notas na avaliação.

Esse resultado representa que um em cada três alunos brasileiros não consegue escrever textos curtos e compreensíveis.

Na lista geral dos Estados, a lanterna fica com Pará, onde 65,73% dos estudantes tiveram baixo desempenho, sendo 1 e cada 4 tiraram a pior nota. Na outra ponta, Santa Catarina apresentou o melhor resultado. No Estado, 86,61% dos alunos alcançaram o melhor desempenho em escrita.

Matemática

Já os resultados da ANA 2014 em matemática mostram que 57,07% dos alunos de todo o país tem baixo desempenho em matemática. Nessa etapa, são quatro resultados possíveis, sendo que em 22 Estados mais da metade dos estudantes tirou as duas notas mais baixas da escala.

Isso significa que na maior parte do país os alunos do 3º ano do ensino fundamental não conseguem somar ou fazer problemas com números de até três algarismos.
Na disciplina, o desempenho só foi positivo, ou seja, mais da metade dos alunos tirou as duas melhores notas, em cinco unidades da federação: DF, MG, PR, SC e SP. Nos outros 22 Estados a maior parte dos alunos tirou as notas baixas.

Os melhores resultados em matemática foram atingidos por Minas Gerais e os piores, pelo Maranhão.
 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos