Topo

MEC anuncia 75 mil vagas para Fies

Do UOL, em São Paulo

16/06/2016 16h43

O presidente interino, Michel Temer, e o ministro da Educação, Mendonça Filho, anunciaram 75 mil vagas para o Fies, programa federal de financiamento do ensino superior, na tarde desta quinta-feira (15).

Segundo Mendonça Filho, essa etapa do programa custará R$ 450 milhões e isso "demonstra o compromisso do governo com a educação".

No final de maio, havia sido divulgada a suspensão de vagas até o final do ano. Mas o minsitro Mendonça Filho afirmou na época que a situação seria revertida. 

Podem participar do programa interessado com renda familiar de até 3 salários mínimos por integrante da família (per capita). O interessado cursa a faculdade e só paga o empréstimo no final do curso, com juros abaixo do praticado pelo mercado (6,5%). Quem quiser um financiamento também precisa ter nota mínima de 450 no Enem (Exame Nacional do Ensino Médio).

Segundo o setor privado, cerca de 46% das vagas ofertadas no começo do ano "sobraram" -- o que somariam cerca de 115 mil financiamentos.

Calendário Fies: 

  • Consulta de vagas: 21 de junho
  • Inscrições: de 24 a 29 de junho
  • Resultado da seleção: 30 de junho
  • Inscrições no sistema (Sisfies): 1º de julho (chamada única)
  • Lista de espera: 4 de julho a 10 de agosto

Agenda positiva

Temer, decidiu participar do anúncio, que estava programado para ser no MEC e apenas com Mendonça Filho para criar uma agenda positiva e tentar abafar as notícias negativas envolvendo seu nome, segundo a Agência Estado.

A decisão teria sido tomada após coletiva concedida pelo presidente interino para contestar as informações do ex-presidente da Transpetro Sergio Machado, que o acusou de ter-lhe pedido R$ 1,5 milhão para a campanha de Gabriel Chalita - na época no PMDB - à Prefeitura de São Paulo.

Temer chamou a manifestação de Machado de "irresponsável, leviana, mentirosa e criminosa". 

Educação