Ao menos 8 em cada 10 escolas públicas do DF precisam de reparos moderados ou grandes

Do UOL, em São Paulo

Uma auditoria realizada pela Tribunal de Contas do Distrito Federal constatou que 87,4% das escolas públicas do DF necessitam de reparos moderados ou grandes. Também foi concluído que a maioria das unidades não tem estrutura compatível com as atividades exigidas pelo nível de ensino e modalidade de educação oferecida. 

Segundo nota publicada no site do Tribunal de Contas, a situação observada nas unidades de ensino foi causada pela “insuficiência dos serviços de manutenção ofertados pelo governo”.

De acordo com a nota, a secretaria de Educação tem 120 dias para apresentar um plano de reforma, adequação e conservação das unidades. Esse plano deve apresentar os nomes dos servidores que integrarão o grupo de contato da auditoria e também deve conter um cronograma de etapas e prazos.

A Secretaria de Educação informou, em nota, que está providenciando um cronograma de obras. Segundo o órgão, 32 obras constantes no relatório já estão em andamento e a secreteria conta com a assessoria de 10 empresas que fazem a manutenção periódica das instituições de ensino públicas do DF. 

Metodologia

Segundo o relatório do Tribunal de Contas, as pesquisas documentais e de opinião foram realizadas nas 639 unidades da rede. A auditoria para a pesquisa estatística foi feita no ano de 2011, em 50 escolas escolhidas por sorteio - a amostra garante nível de confiança de 95%.



Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos