Química

Classificação dos compostos inorgânicos: Regra prática

Fábio Rendelucci

(Atualizado em 25/06/2014, às 17h54)

Em todos os textos de química, você se depara com termos como sais, ácidos, bases e óxidos. Como saber de quem estamos falando, ou melhor, como "bater o olho" em uma fórmula e saber qual a classificação dessa substância?

Vamos a uma regra prática - quase infalível:

1ª providência: Separe a molécula

Separe a molécula em duas partes: o elemento inicial da fórmula e o resto

2ª providência: Classifique

  • Se a primeira parte (X) for o H (hidrogênio), a substância é um ácido.
  • Se a segunda parte (Y) for o grupo OH (hidroxila), a substância é uma base.
  • Se a segunda parte (Y) for exclusivamente o O (oxigênio), a substância é um óxido.
  • Nenhum dos testes deu certo? A substância é um sal.

    Veja nos exemplos:

    1) HCl = H e Cl

    Primeira parte H = ácido.

    2) NaOH = Na e OH

    Segunda parte OH = base.

    3) H2SO4 = H e SO4

    Primeira parte H = ácido.

    4) CaCO3 = Ca e CO3

    Nada deu certo = sal.

    5) Al2O3 = Al e O

    Segunda parte O = óxido.

    6) KCl = K e Cl

    Nada deu certo = sal.

    Tome cuidado...

    • Uma substância é um óxido quando o segundo elemento é exclusivamente o oxigênio e não apenas por conter oxigênio.
    • CaSO4 = Segunda parte contém oxigênio, mas não exclusivamente, portanto não é óxido.
    • FeO = Segunda parte contém exclusivamente oxigênio, portanto é óxido.

    No caso da água, a regra não funciona, mas como você conhece a fórmula da água (H2O) desde que era criancinha, não irá se confundir. Classifique-a como... água.

    Fábio Rendelucci é professor de química e física e diretor do cursinho COC-Universitário de Santos (SP).

    UOL Cursos Online

    Todos os cursos