Após briga, relação entre estudantes fica acirrada no Rio

Em São Paulo

Brigas, ameaças e trocas de acusações acirraram as relações entre estudantes que estão em lados opostos nos movimentos de ocupação e desocupação das escolas estaduais do Rio. Os dois lados relatam tentativas de intimidação desde o dia 3, quando cem pessoas tentaram retomar o Colégio Estadual Prefeito Mendes de Moraes, na Ilha do Governador.

Aproximadamente 50 pessoas ocupam a escola desde 21 de março. O confronto deixou ao menos cinco feridos.

A Secretaria de Educação confirmou que 40 dias após as desocupações haverá eleições para a escolha de diretores das escolas. A pasta cedeu em relação ao Sistema de Avaliação da Educação - a partir de 2017, haverá reformulação no simulado preparatório para o Enem. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

 

Receba notícias pelo Facebook Messenger

Quer receber as principais notícias do dia de graça pelo Facebook Messenger? Clique aqui e siga as instruções.

Veja também

UOL Cursos Online

Todos os cursos