Artes

Poseidon: O deus dos mares e dos lagos

Da Página 3 Pedagogia & Comunicação

Como Zeus, Poseidon, o rei dos mares, era filho de Cronos e de Rea. Segundo a lenda, foi criado pelos Telquines, demônios da ilha de Rodes, e por Cêfira, filha de Oceano. Ao chegar à idade adulta, apaixonou-se por Halia, irmã dos Telquines, e se casou com ela, gerando seis filhos e uma filha chamada Rodos, que deu o nome à ilha de Rodes.

Deus do mar e dos lagos, Poseidon provocava as tormentas marítimas e comandava as ondas, além de poder abalar os rochedos costeiros com seu tridente. Também fazia as fontes aparecerem. No entanto, os rios não estavam sujeitos a ele.

Quando os mortais passaram a viver em cidades, os deuses entraram em disputa para serem os padroeiros das principais. No caso de Poseidon, a primeira disputa foi com Atena, para ver quem seria o patrono da cidade-Estado de Atenas. Enquanto Poseidon presenteou os habitantes com uma fonte na Acrópole, Atena lhes entregou uma oliveira, a que os atenienses preferiram, dando a vitória à deusa. Aborrecido, Poseidon provocou uma inundação na planície de Elêusis.

Poseidon também participou de uma competição a respeito de Argos, defrontando-se com Hera. Como a deusa vencesse a disputa, Poseidon amaldiçoou a cidade e secou todas as fontes da região. Porém, nesse meio tempo, chegou a Argos Dânaos e suas 50 filhas, as Danaides, e Poseidon se apaixonou por uma delas. A Danaide Amimone fez o deus perdoar a cidade e a água voltou a jorrar das fontes.

Juntamente com Apolo e com o mortal Éaco, Poseidon trabalhou na construção da muralha de Tróia, porém, como Laomêdon, o rei da cidade, recusou-se a lhe pagar pela obra, o deus fez sair um monstro do mar e mandou-o dizimar a população troiana. Desde então, Poseidon tonou-se inimigo dos troianos e, durante a guerra com os gregos, tomou o partido destes.

No entanto, Poseidon ajudou o herói troiano Enéas, quando este se viu na iminência de ser morto por Aquiles. O deus cobriu os olhos de Aquiles com uma névoa e transportou Enéas para o acampamento dos troianos. Convém ressaltar que Enéas não era descendente de Laomêdon e, por isso, talvez, não houvesse motivo para Poseidon incluí-lo em seu ressentimento.

Como seu irmão Zeus, Poseidon também amou um número imenso de mulheres e teve inúmeros filhos. Com Toosa, ele gerou o ciclope Polifemo, que se tornou a causa da maldição de Odisseu e das aventuras a que este se viu sujeito ao voltar da guerra de Tróia. Da União de Poseidon com a Medusa, nasceram o gigante Crisaor e o cavalo alado Pégaso. No entanto, com sua mulher oficial, a nereide Anfitrite, Poseidon não teve descendentes.

Poseidon era o Netuno dos Romanos

Fontes:

Dicionário de Mitologia Grega e Romana, Mário da Gama Kury, Jorge Zahar Editor.

Dicionário Mítico-Etimológico, Junito Brandão, Editora Vozes.

UOL Cursos Online

Todos os cursos