Topo

Educação

Vestibular


Inep imprime cartões do Enem com endereço errado no Piauí

No cartão de inscrição impresso pelo Inep, o endereço do Instituto Magister de Ensino era no conjunto Bela Vista II, porém a escola fica no conjunto I - Reprodução
No cartão de inscrição impresso pelo Inep, o endereço do Instituto Magister de Ensino era no conjunto Bela Vista II, porém a escola fica no conjunto I Imagem: Reprodução

Aliny Gama

Do UOL, em Maceió

08/11/2014 20h56

Alguns candidatos de Teresina receberam cartão de confirmação do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) 2014 com um erro no endereço do local de prova. Neste sábado (8), eles chegaram em cima da hora do fechamento dos portões devido à confusão no endereço.

No cartão de inscrição impresso pelo Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira Legislação e Documentos), responsável pelas provas do Enem, o endereço do Instituto Magister de Ensino, onde os alunos estavam distribuídos, era conjunto Bela Vista II, porém a escola fica no conjunto Bela Vista I.

“Passamos quase uma hora para encontrar o endereço do local de prova. Ainda bem que saímos duas horas antes do início das provas", disse Carol Pereira, 17, que faz o último ano do ensino médio e pretende concorrer a uma vaga no curso de direito da UFPI (Universidade Federal do Piauí). "Foi um estresse, pois a quem perguntávamos ninguém sabia onde ficava o colégio.”

A candidata relatou ao UOL que mais da metade das carteiras estavam vazias. “Até o policial que estava escalado para fazer a segurança do prédio da escola chegou atrasado, junto comigo”, afirmou.

Carteira de criança

Outro candidato, que pediu para não ser identificado, reclamou também das carteiras que eram pequenas. “Fiz prova num espaço desconfortável, pois as carteiras da sala 50 eram para crianças e o espaço entre uma e outra era minúsculo, não dava para esticar as pernas”, afirmou o candidato, que tem 20 anos, e tenta Enem para o curso de direto pela segunda vez.

“A gente reclamou, mas as salas com carteiras maiores já estavam ocupadas. A escola não pôde remanejar para que a gente ficasse com o mínimo de conforto”, relatou o candidato.

O UOL entrou em contato com o Inep e foi informado que o instituto só deverá se pronunciar sobre o assunto neste domingo (9).

 

Mais Vestibular