Topo

Enem


Taxa do Enem 2019 sobe para R$ 85; inscrições vão de 6 a 17 de maio

Luis Fortes/MEC
Participantes conferem caderno de questões no dia das provas de exatas do Enem, em Brasília Imagem: Luis Fortes/MEC

Mirthyani Bezerra

Do UOL,em São Paulo

2019-03-25T08:44:14

2019-03-25T13:42:25

25/03/2019 08h44Atualizada em 25/03/2019 13h42

As inscrições para o Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) 2019 começam em 6 de maio e vão até o dia 17 do mesmo mês e custará R$ 85 por candidato. O valor foi reajustado em relação ao do ano anterior, quando foi cobrado R$ 82. As informações constam no edital publicado hoje no Diário Oficial da União.

Segundo o Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira), autarquia do MEC que realiza o exame, o valor não era reajustado desde 2017. O aumento deste ano equivale a 3,7%, enquanto a inflação acumulada nos dois últimos anos foi de 6,8%. O valor pode ser pago em agências bancárias, casas lotéricas e agências dos Correios.

O novo página do exame na internet já está no ar e lá é possível acessar o edital em formato PDF. O cronograma do Enem 2019 será:

  • Solicitação de isenção da taxa de inscrição - 1 a 10 de abril
  • Justificativa de ausência no Enem 2018 - 1 a 10 de abril
  • Inscrições - 6 a 17 de maio
  • Pagamento da taxa de inscrição - 6 a 23 de maio
  • Solicitação de atendimento pelo nome social - 20 24 de maio
  • Aplicação das provas - 3 e 10 de novembro

Isenção da taxa

Antes de se inscrever, quem tem direito a isenção da taxa precisa solicitá-la por meio do sistema Enem. São liberados do pagamento da taxa todos os alunos que estão cursando o último ano do ensino médio em escola pública ou aqueles que cursaram todo o ensino médio em escola da rede pública ou com bolsa integral em unidade da rede privada de ensino, e tem renda, por pessoa, igual ou menor que um salário mínimo e meio.

Quem mostrar que está em situação de vulnerabilidade socioeconômica com renda familiar por pessoa de até meio salário mínimo ou renda familiar mensal de até três salários mínimos também tem direito à isenção da taxa de inscrição.

O Inep informa que o resultado de quem conseguiu a gratuidade na taxa será divulgado no dia 17 de abril e que é de total responsabilidade de quem pleiteia o benefício acompanhar a situação da solicitação. No ano passado, 3,8 milhões de pessoas solicitaram o direito de não pagar a taxa do Enem 2018.

Ter a solicitação de isenção aceita não significa que o candidato já está automaticamente inscrito. Ele precisa efetuar a inscrição por meio da Página do Estudante durante no período estabelecido pelo Inep.

O candidato que teve a isenção aprovada no ano passado, mas não compareceu aos dias de prova pode pedir isenção, mas vai precisar justificar porque não apareceu para fazer a prova. Os documentos aceitos para justificativa de ausência também constam no edital.

Quem tiver o pedido negado pode recorrer da decisão.

Mudanças do Enem 2019

O Enem vai contar com um novo sistema de inscrição e será solicitada, de forma opcional, a inclusão de foto. Surdos, deficiente auditivos e surdocegos vão poder indicar, durante a inscrição, o uso do aparelho auditivo ou de implante coclear.

Lanches passarão a ser revistados no dia da aplicação da prova.

Na prova, os candidatos terão um espaço para fazer o rascunho da redação e de cálculos, que virá ao final no caderno de questões e poderá ser destacado.

Aplicação

Desde 2017, o Enem é aplicado em dois domingos consecutivos. Este ano, as provas estão marcadas para o dia 3 e 10 de novembro. São ao todo quatro provas objetivas, com 180 questões, e uma redação. São elas:

  • Linguagens, Códigos e suas Tecnologias;
  • Ciências Humanas e suas Tecnologias;
  • Ciências da Natureza e suas Tecnologias;
  • Matemática e suas Tecnologias.

Os portões serão abertos às 12h e fechados impreterivelmente às 13h, do horário de Brasília. No primeiro dia, os candidatos têm até as 19h para resolver as questões. No segundo, a prova vai até as 18h30.

Enem 2019: Inscrições começam dia 6 de maio

Band Notí­cias

Mais Enem