Termos essenciais da oração: Sujeito e predicado

Da Página 3 Pedagogia & Comunicação

Toda oração é formada por termos chamados essenciais, o sujeito e o predicado.

A palavra "essência" vem do verbo latino essere (= ser). Portanto a essência é aquilo que alguém ou alguma coisa é. Essência é, nas palavras do Dicionário Houaiss: "aquilo que é o mais básico, o mais central, a mais importante característica de um ser ou de algo, que lhe confere uma identidade, um caráter distintivo". Daí, você pode concluir que toda oração precisa de seus termos essenciais para ser uma oração. Caso contrário, é uma frase.

Agora, às definições de sujeito e predicado:
 

  • Sujeito: é o termo sobre o qual se declara alguma coisa;
  • Predicado: é tudo aquilo que se declara do sujeito.

    Vamos a um exemplo:

    Tonico mora no interior de São Paulo.
    Sujeito Predicado

    Mesmo sendo um apelido, "Tonico" é um nome próprio em termos gramaticais. É um substantivo. "Tonico" designa alguém e alguém de quem se disse ou declarou algo. Responda à pergunta: "quem é que mora no interior de São Paulo?". A resposta é: "Tonico". Portanto "Tonico" é o sujeito da oração que você vê no quadro.

    Pense também: o que se diz ou se declara de "Tonico"? Que ele "mora no interior de São Paulo". Essa declaração, portanto, é o predicado da oração. Simples, não é? Simplíssimo!


Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos