Topo

Educação

Vestibular


"Dei risada", diz candidato de SP que 'previu' tema de redação do Enem

John Experdião, 17, diz que já havia listado publicidade infantil como uma das possibilidades de redação do exame para um exercício da escola - Junior Lago/UOL
John Experdião, 17, diz que já havia listado publicidade infantil como uma das possibilidades de redação do exame para um exercício da escola Imagem: Junior Lago/UOL

Lucas Rodrigues

Do UOL, em São Paulo

09/11/2014 17h25

Ao contrário da maioria dos candidatos ouvidos pelo UOL, John Experdião, 17, saiu de um local de prova do Enem 2014 (Exame Nacional do Ensino Médio) em São Paulo bastante satisfeito com o tema da redação. Ele já havia listado publicidade infantil como uma das possibilidades de redação para um exercício da escola.

“Na escola, a gente estava fazendo uma preparação para o Enem e tivemos que montar os temas que achamos que poderiam cair neste ano. E publicidade infantil foi um dos que eu coloquei”, conta o jovem que pretende fazer artes cênicas. “Dei risada quando olhei o tema na prova.”

Vestido com uma blusa com a frase “Eu acredito em” na parte da frente e “milagres” na parte de trás, John considera que a prova no geral estava difícil. “Eram atividades que a gente aprendeu, mas lembrar na hora era difícil”, comenta. “Sempre dá aquele nervosismo e aquele branco.”

O candidato comentou que na prova de linguagens e códigos havia várias charges. Uma específica falava sobre abuso infantil, segundo ele. “Tinha bastante literatura”, conta. Mas o que pegou mesmo para John foi matemática. “Foi basicamente no chute. Não me dou bem com matemática. Estava muito difícil. O que eu não tirei na prova em si, eu recupero na redação, que estava mais fácil.”

Mais Vestibular