Topo

Educação

Enem


Enem 2019: 10 temas de redação que podem cair na prova

Getty Images
Imagem: Getty Images

Carolina Cunha

Colaboração para o UOL

14/10/2019 04h00

Resumo da notícia

  • Professores apostam em proposta de redação que fuja de temas progressistas
  • Defesa dos direitos humanos também têm poucas chances de aparecer no Enem
  • A prova de redação acontece no dia 3 de novembro, um domingo

Não dá para adivinhar qual será o tema da redação do Exame Nacional do Ensino Médio (Enem) 2019, mas é possível fazer algumas apostas. Neste ano, o ministro da Educação, Abraham Weintraub, já revelou que o exame não cobrará temas "ideológicos".

Para a prova 2019, que acontece no dia 3 de novembro, os professores de cursos pré-vestibulares estimam uma prova mais conteudista, que deixe de lado pautas progressistas.

A redação de 2019 deve evitar assuntos que não estejam ajustados à visão de mundo de parte da sociedade que se vê representada pelo atual governo
Marcelo Pavani, diretor pedagógico do Curso Pré-Vestibular Oficina do Estudante

O professor afirma que temas relacionados a questões identitárias e de representação de minorias como os ligados à realidade LGBTQ+, temáticas raciais, de representação da mulher na sociedade, liberdade reprodutiva ou educação sexual não devem aparecer.

Além disso, temas relacionados às polêmicas recentes envolvendo o governo federal como a Amazônia, os indígenas, a política de tratamento de refugiados ou a defesa dos direitos humanos também têm poucas chances de aparecer na prova.

Esperamos uma redação diferente. Nos últimos anos, as redações foram bem focadas no cidadão e nos problemas sociais. Em 2019, acreditamos que o tema vai desviar de assuntos espinhosos
Eva Albuquerque, professora de redação do Cursinho da Poli

Os desafios enfrentados pela sociedade brasileira foram temas recorrentes nas edições anteriores do Enem. Em 2018, por exemplo, os estudantes dissertaram sobre a "manipulação do comportamento do usuário pelo controle de dados na internet".

Confira dez apostas dos professores para a prova de redação do Enem 2019.

1. Patriotismo

Aqui, vários recortes temáticos podem ser feitos. Num deles, a reiteração do conceito de identidade nacional, fazendo uma discussão em torno dos símbolos do Brasil como nação (bandeira, hino, "heróis" nacionais).

Podem aparecer temas como a ideia da soberania do Brasil em relação ao seu território usando como exemplo a questão amazônica ou trazendo a questão da saída dos médicos cubanos e a valorização dos profissionais brasileiros
Marcelo Pavani, diretor pedagógico do Curso Pré-Vestibular Oficina do Estudante

2. Discussão sobre vacinas

A vacinação está em queda no Brasil. Esse tema permite que os alunos se posicionem contra ou a favor do uso de vacinas, sem que haja grandes polêmicas em torno de questões políticas.

Como sempre, há o aspecto bastante importante para as versões anteriores do Enem —o respeito aos direitos humanos, que não deve ser esquecido pelos candidatos ao construir sua argumentação.

"A Declaração Universal dos Direitos Humanos reconhece a saúde como um direito inalienável de todos os indivíduos. Dadas as polêmicas recentes envolvendo esse critério de pontuação do Enem, não sabemos se argumentações a favor do movimento antivacina seriam penalizadas, mas é bom estar atento", afirma Pavani.

Getty Images
Imagem: Getty Images

3. Os malefícios do uso de drogas para indivíduo e sociedade

Essa temática pode ser explorada pelo Enem, na avaliação do professor, de modo a levar o aluno a ter que se posicionar sobre o consumo de drogas como o motor para os altos índices de criminalidade que afligem a sociedade.

"Os textos motivadores, que sempre acompanham a proposta, podem ser escolhidos de modo a fornecer argumentos para essa tese", diz Pavani.

4. Importância da disciplina no ambiente escolar

Outro tema caro ao conservadorismo, a ideia de associação entre disciplina e o ambiente escolar pode aparecer na prova com muitas roupagens diferentes. Numa delas, pode-se trazer à discussão o bom desempenho de sistemas de ensino baseados em disciplina, em países como a Coreia, por exemplo.

Além disso, o reforço de que uma abordagem cívico-militar possa ser uma solução para a redução da evasão e melhora dos índices escolares no Brasil pode entrar na pauta
Marcelo Pavani, da Oficina do Estudante

5. O liberalismo econômico e o desenvolvimento das sociedades

Uma reflexão sobre a liberdade de empreender numa sociedade baseada no livre mercado e a importância do liberalismo econômico na construção do modo de vida ocidental podem ser esperados do aluno.

Esse é um tema que permite uma articulação de conhecimentos históricos, geográficos e geopolíticos, o que pode testar o repertório sociocultural que os alunos construíram ao longo do ensino básico.

6. Variedades linguísticas

A variação linguística é um interessante aspecto da língua portuguesa.

É um tema importante, neutro, pois ele não mexe com ideologias e não traria maiores consequências em relação a polêmicas
Eva Albuquerque, do Cursinho da Poli

Além disso, o tema retrataria as inúmeras maneiras de comunicação existentes em nosso país e que, apesar dessas variantes, se entende muito bem.

7. Valores da juventude

Para Albuquerque, esse seria um ótimo tema para fugir de polêmicas, pois é uma boa oportunidade de o atual governo escutar o que os jovens têm a dizer e descobrir quais são os seus projetos, seus valores, suas formações, sonhos e o que eles esperam do Brasil.

8. Caminhos para combater a violência nas escolas

Este tema viria ao encontro de um projeto do presidente Bolsonaro que visa a criação de escolas cívico-militares para tornar os ambientes escolares mais seguros e disciplinados.

Alguns estudantes poderiam dar dicas e soluções. Este é outro assunto que fugiria de temas ideológicos
Eva Albuquerque, do cursinho da Poli

9. Como solidificar os valores da família

Como evitar a desagregação e resgatar valores de união entre os membros para uma sociedade saudável? Falar de uma sociedade que aposta no poder da família e o que fazer para que ela seja unida e sólida é outra aposta.

10. Cuidado com o meio ambiente

Essa seria uma outra alternativa, pois os jovens teriam a oportunidade de manifestar a sua opinião sobre a preservação ambiental e falar sobre as suas percepções sobre o tema, que poderiam variar em relação ao cuidado com o lixo, com as águas, a questão das queimadas nas florestas, as cidades e a sua limpeza, por exemplo.

Redação no Enem: Tipos de argumento

Brasil Escola

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Enem